Pior do que o “já perdeu” é o “já ganhou, diz Delcídio

Ao participar sexta-feira, 5 de março, da reunião do Diretório Nacional do PT, em Brasília, o senador Delcídio do Amaral (PT/MS) alertou os dirigentes e militantes do partido para não se deixarem levar pelo excesso de otimismo, gerado pelo crescimento da ministra Dilma Roussef nas pesquisas e o bom desempenho do governo Lula. “Ninguém tem dúvida […]
| 08/03/2010
- 17:06
Pior do que o “já perdeu” é o “já ganhou, diz Delcídio

Ao participar sexta-feira, 5 de março, da reunião do Diretório Nacional do PT, em Brasília, o senador Delcídio do Amaral (PT/MS) alertou os dirigentes e militantes do partido para não se deixarem levar pelo excesso de otimismo, gerado pelo crescimento da ministra Dilma Roussef nas pesquisas e o bom desempenho do governo Lula.

“Ninguém tem dúvida que a nossa pré-candidata à Presidência da República, ministra Dilma Roussef, está cada vez mais forte, o desempenho da economia é muito bom e o prestígio do presidente Lula não pára de crescer. Mas é preciso ter os pés no chão, montar um arco de alianças amplo que nos dê sustentação em todo o país e prepararmo-nos para uma disputa dura, sem salto alto, porque a oposição está se articulando e não vai dar moleza. A história política, como o futebol, ensina que pior do que já perdeu é o já ganhou”, afirmou o senador, que desde o mês passado é membro do Diretório Nacional do partido.

Delcídio revelou que, na reunião, a direção do PT decidiu recomendar que o partido evite, ao máximo, as prévias para a escolha de candidatos ao Senado e aos governos estaduais.

“Pelo quadro atual, existe a possibilidade de prévias para governador em Minas Gerais e no Distrito Federal, e também para definir os candidatos ao Senado no Rio de Janeiro, Mato Grosso e em Pernambuco. A orientação do Diretório Nacional é de que os dirigentes do PT nesses estados esgotem todos os canais de negociação até a data da convenção, em junho. As prévias são previstas no Estatuto do partido, mas elas devem evitadas para que não se tenha nenhum tipo de desgaste interno nem se prejudique as alianças com outros partidos”, explicou.

Veja também

Fenômeno foi constatado na galáxia Grande Nuvem de Magalhães

Últimas notícias