Geral

Passaia recebe ameaça de morte em Dourados

O secretário de governo da Prefeitura de Dourados, Eleandro Passaia, recebeu ameaça de morte. O fato foi registrado em Boletim de Ocorrência, na Delegacia de Polícia Civil de Dourados. Além de Eleandro, o segurança dele, Silvio Reginaldo Peres Costa, e a operadora de caixa de um supermercado, Lilian Galhardi da Silva, foram ameaçados. De acordo […]

Arquivo Publicado em 08/09/2010, às 01h15

None

O secretário de governo da Prefeitura de Dourados, Eleandro Passaia, recebeu ameaça de morte. O fato foi registrado em Boletim de Ocorrência, na Delegacia de Polícia Civil de Dourados.


Além de Eleandro, o segurança dele, Silvio Reginaldo Peres Costa, e a operadora de caixa de um supermercado, Lilian Galhardi da Silva, foram ameaçados.


De acordo com o boletim de ocorrência, Lilian recebeu uma ligação de uma pessoa que se identificou como Gilberto Moreira, que seria irmão do vereador Edvaldo Moreira. O fato ocorreu no último dia 03, por volta das 19h30.


Na ocasião, segundo B.O, o acusado, supostamente exaltado, passou a dizer a comunicante que estava impressionado com ela, acreditando que Lilian teria contribuído com as investigações que culminaram com as prisões ocorridas na Operação Uragano. A mulher disse que não teve participação alguma nos fatos e que desligou o telefone.


Três dias depois, a vítima recebeu outra ligação, desta vez no aparelho de celular de propriedade do Prefeito Ari Artuzi, mas qua fica em uso de Lilian. Desta vez, o mesmo homem, que se identificou como Gilberto Moreira, concretizou a ameaça através de mensagem de voz deixada no aparelho. “Eu sei que você está ouvindo e a Polícia Federal também. Eu vim do estado de Goiás com um pessoal para matar você, esse tal Eleandro e o Silvio da Guarda. A menos que você aceite nossa proposta de R$ 100 mil. Te cuida viu… eu vou voltar a ligar de um outro telefone público”, disse, segundo a comunicante.

Jornal Midiamax