Geral

Naviraiense não tem local para jogo com o Santos

O Clube Esportivo Naviraiense ainda não sabe onde mandará sua partida do próximo dia 24 diante do Santos pela Copa do Brasil. O valor requerido pelo CREA/MS para concessão do laudo do Estádio Morenão praticamente descarta qualquer possibilidade do jogo ser na capital. Para atuar em Campo Grande o clube teria hoje que pagar uma […]

Arquivo Publicado em 27/01/2010, às 22h20

None

O Clube Esportivo Naviraiense ainda não sabe onde mandará sua partida do próximo dia 24 diante do Santos pela Copa do Brasil. O valor requerido pelo CREA/MS para concessão do laudo do Estádio Morenão praticamente descarta qualquer possibilidade do jogo ser na capital.

Para atuar em Campo Grande o clube teria hoje que pagar uma taxa de R$ 35 mil, só pelo laudo de engenharia. O presidente do CEN, Ronaldo Botelho, refuta qualquer possibilidade de pagar pelo laudo como teria sugerido o presidente da Federação de Futebol de Mato Grosso do Sul (FFMS) Francisco Cesário. “Se não der no Douradão, mandaremos o jogo em Presidente Prudente” disse o dirigente, mostrando descontentamento com a situação. Para Ronaldo Botelho, o problema no Estádio Pedro Pedrossian é dos clubes da capital que utilizarão o local para seus jogos durante todo o ano.

A prioridade do time é mandar a partida para Dourados, mas o estádio ainda não tem o laudo. Com as reformas executadas no Morenão, para o jogo do Brasil no ano passado, havia a esperança de que a liberação daquela praça estaria mais fácil, porém isso não aconteceu, situação que coloca o clube em absoluta indefinição para um dos jogos mais importantes da sua história.

Com indefinição, a diretoria espera sanar este problema o mais rápido possível, uma vez, que o time precisa se preparar tanto fora como dentro de campo para o confronto com a equipe Paulista.

Jornal Midiamax