Geral

Fornecimento de energia em Selvíria é retomado após queda de torres de transmissão

Depois da queda de pelo menos dez torres da empresa CTEEP no início da noite de ontem (16) por um vendaval na usina de hidrelétrica de Ilha Solteira, no oeste do Estado de São Paulo, o abastecimento de energia na cidade de Selvíria foi restabelecido por volta das 10 horas de domingo (17). As torres […]

Arquivo Publicado em 17/10/2010, às 02h50

None

Depois da queda de pelo menos dez torres da empresa CTEEP no início da noite de ontem (16) por um vendaval na usina de hidrelétrica de Ilha Solteira, no oeste do Estado de São Paulo, o abastecimento de energia na cidade de Selvíria foi restabelecido por volta das 10 horas de domingo (17).


As torres caíram no rio Paraná e atingiram as redes de distribuição da Elektro – concessionária que atende à cidade. O fornecimento de energia foi interrompido às 15h17 de sábado, atingindo 2,5 mil consumidores. Por meio de nota à imprensa, a empresa informa que mobilizou 30 técnicos para colocar em funcionamento uma subestação móvel cedida pela Enersul.


Como o sistema é interligado nacionalmente, parte da energia transmitida pela Enersul em 73 municípios de Mato Grosso do Sul pode ser destinada a Selvíria – uma das cinco cidades do Estado que é alimentada por outras concessionárias. Na manhã deste domingo (17), comerciantes relataram que até o fornecimento de água foi prejudicado pelo incidente.


Em SP


Na cidade de Ilha Solteira, a suspensão de energia foi parcial. Segundo prefeito Edson Gomes (PP), os estragos foram muitos: diversas casas e dois restaurantes tiveram o teto destruído, árvores caíram sobre carros e casas. “Até agora, pelos dados que temos, seis famílias ficaram desabrigadas e tiveram de ser abrigar em casas de parentes”, disse. Ninguém ficou ferido.


O trabalho de recuperação da cidade deverá ser iniciado na manhã deste domingo, quando técnicos da prefeitura terão avaliação completa dos estragos causados. Na usina da hidrelétrica, os engenheiros apenas confirmaram que os estragos causados pelo vendaval foram “parciais”. (Atualizada às 10h20 para acréscimo de informações)

Jornal Midiamax