Geral

Empregados de oficina somem com carro da reportagem da TV Campo Grande

Três empregados da oficina Shop Car que cuidam da manutenção dos carros da reportagem do TV Campo Grande, filiada do SBT, criaram uma confusão que virou caso de polícia ontem à noite num posto de gasolina da Capital. O editor executivo da TV, Euclides Fernandes, disse que ontem mandou para oficina um dos carros, uma Parati, […]

Arquivo Publicado em 21/09/2010, às 14h02

None

Três empregados da oficina Shop Car que cuidam da manutenção dos carros da reportagem do TV Campo Grande, filiada do SBT, criaram uma confusão que virou caso de polícia ontem à noite num posto de gasolina da Capital.

O editor executivo da TV, Euclides Fernandes, disse que ontem mandou para oficina um dos carros, uma Parati, para que fosse feita a revisão na mecânica no carro. À noite, três funcionários da empresa de conserto, o dono um deles, saíram com o veículo sem autorização e teriam bebido num bar.

Perto da madrugada, o trio estacionou o carro no posto de gasolina que abastece os veículos da reportagem da TV Campo Grande.

Ocorre que o frentista, já acostumado a prestar serviço à equipe da TV, não reconheceu o motorista e não pôs combustível na Parati. O empregado da oficina saiu do carro e, segundo o diretor da TV, “saiu no tapa com o frentista”.

Colegas do funcionário do posto foram defendê-lo e, entre um golpe e outro, um dos envolvidos na briga atirou uma chave de roda que quebrou um dos vidros do carro.

O trio fugiu com o carro da reportagem e, até o fim desta tarde, nem o veículo nem os implicados no caso tinham sido localizados. O frentista, que saiu ferido na confusão, ia fazer exame de corpo de delito.

A direção da TV acionou a polícia.


Jornal Midiamax