Geral

Em Corumbá, pente-fino apreende drogas, celulares e cachaça

Pente-fino em sete celas do Estabelecimento Penal de Corumbá (EPC) apreendeu drogas e telefones celulares na manhã desta quinta-feira, 23 de setembro. A operação de rotina, realizada pelos agentes penitenciários do EPC durou quase três horas e vistoriou sete celas de diversos solários do presídio masculino. Foram apreendidos cerca de 500 trouxinhas de maconha; dez […]

Arquivo Publicado em 23/09/2010, às 16h09

None

Pente-fino em sete celas do Estabelecimento Penal de Corumbá (EPC) apreendeu drogas e telefones celulares na manhã desta quinta-feira, 23 de setembro. A operação de rotina, realizada pelos agentes penitenciários do EPC durou quase três horas e vistoriou sete celas de diversos solários do presídio masculino.


Foram apreendidos cerca de 500 trouxinhas de maconha; dez aparelhos de telefonia celular; sete baterias para celulares; cinco carregadores (inclusive equipamentos artesanais); uma “Teresa” (corda artesanal confeccionada com retalhos de tecidos) de aproximadamente cinco metros; três chips para celular e vários litros de “Maria Louca”, que é uma espécie de cachaça produzida de forma rudimentar pelos presidiários.


As drogas e os celulares apreendidos serão encaminhados à Delegacia de Polícia Civil para a confecção de boletins de ocorrências. O restante do material apreendido será enviado para a Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen).


O Estabelecimento Penal de Corumbá abriga hoje 370 internos. A capacidade é para 180 presos.

Jornal Midiamax