Geral

CineMarco exibe Edifício Master neste domingo com entrada franca

O governo do Estado, através do Museu de Arte Contemporânea (Marco), unidade da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul (FCMS), exibe hoje (31), através do projeto CineMarco, o longa-metragem “Edifício Master”, dirigido por Eduardo Coutinho. A exibição acontece às 15 horas e a entrada é franca. Ao longo de sete dias, uma equipe […]

Arquivo Publicado em 31/01/2010, às 14h35

None

O governo do Estado, através do Museu de Arte Contemporânea (Marco), unidade da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul (FCMS), exibe hoje (31), através do projeto CineMarco, o longa-metragem “Edifício Master”, dirigido por Eduardo Coutinho. A exibição acontece às 15 horas e a entrada é franca.


Ao longo de sete dias, uma equipe de cinema filmou o cotidiano dos moradores do Edifício Master, situado em Copacabana, a uma esquina da praia. O prédio tem 12 andares e 23 apartamentos por andar – são 276 apartamentos conjugados, onde moram cerca de 500 pessoas.


Trinta e sete delas contam suas próprias histórias: há os contentes, os iludidos, os desiludidos, os esperançosos, os sinceros, os desamparados, os felizes, os vencedores, os austeros, os doces, os tristes, os desempregados, os honrados, os esquecidos, os talentosos, os estrangeiros, os ressentidos, os enamorados. Edifício Master é um filme de histórias e de vidas.


Projeto – O CineMarco é um ponto de exibição gratuita de filmes e vídeos em formato de curta e longa-metragem. Coordenado pelo Museu de Arte Contemporânea, o projeto utiliza o acervo da Programadora Brasil, programa do Ministério da Cultura (Minc) que disponibiliza obras audiovisuais da cinematografia brasileira para circuitos não-comerciais de difusão pública.


O acervo é composto por filmes de qualidade realizados em várias fases do cinema brasileiro e de gêneros variados como documentários, animações, ficção, experimental, voltados para diversas faixas etárias.


Serviço: Outras informações no Museu de Arte Contemporânea, localizado na Rua Antônio Maria Coelho, nº. 6000, no Parque das Nações Indígenas ou no telefone 3326-7449.

Jornal Midiamax