Geral

Anac suspende venda de bilhetes da Webjet até sexta

Devido ao grande número de cancelamentos de voos da Webjet, a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) decidiu, nesta segunda-feira (27), suspender a venda de bilhetes da companhia aérea. A determinação é válida para a compra de novos bilhetes de voos programados até a próxima sexta-feira (1º). Aos passageiros que já compraram bilhetes para voos […]

Arquivo Publicado em 27/09/2010, às 18h30

None

Devido ao grande número de cancelamentos de voos da Webjet, a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) decidiu, nesta segunda-feira (27), suspender a venda de bilhetes da companhia aérea. A determinação é válida para a compra de novos bilhetes de voos programados até a próxima sexta-feira (1º).

Aos passageiros que já compraram bilhetes para voos até sexta, a Anac orienta entrar em contato com a empresa e solicitar a confirmação do voo. Em caso de voos cancelados, é direito do passageiro a reacomodação imediata em outro voo da própria companhia ou de outra empresa.

Até as 15h desta segunda-feira, segundo a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), 44,7% (34) dos 76 voos programados pela Webjet haviam sido cancelados. Mais de 27% (21) registraram atraso superior a 30 minutos. Entre 0h e 13h, índice de voos domésticos cancelados chegou a 54,1%.

Em nota, a Anac afirma que tem acompanhado a evolução do índice de voos cancelados pela empresa, que passaram de 2,4%, em agosto, para 5,7%, em setembro, chegando a 9,7% na semana passada.

Além dos cancelamentos, a Anac afirma que medidas mais severas poderão ser tomadas ao longo da semana, caso a situação não seja normalizada. Em julho, a Webjet foi autuada pela agência em R$ 225 mil por ter excedido a carga horária da tripulação.

Número reduzido do voos

Em nota, a assessoria de comunicação da Webjet afirma que a companhia foi obrigada a reduzir o número de voos na última semana de setembro para cumprir a lei que regula os limites de trabalho dos aeronautas. A empresa afirma ainda que já está contratando novos profissionais para atender à alta demanda que a empresa vem tendo com o crescimento da companhia.

Segundo a Webjet, medidas estão sendo tomadas para solucionar o problema. A companhia afirma que vai realizar a reacomodação dos passageiros em voos próprios e de outras companhias, fazer isenção das taxas de remarcação normalmente aplicadas pela empresa, reembolsar as tarifas pagas pelas passagens e fretamento de aeronaves.

Os passageiros que não tiverem seus direitos atendidos deverão registrar queixa na Anac pelo 0800 725 4445.

Jornal Midiamax