Geral

Previdência de MS acumula déficit de R$ 14,6 milhões

O Fundo de Previdência Social dos Servidores Pública de Mato Grosso do Sul (MS-Prev) acumula, segundo o secretário de Gestão de Pessoal e Gasto, Gilberto Tadeu Vicente, um déficit de R$ 14,6 milhões de janeiro e abril. Segundo o secretário, o dinheiro obtido com royalties pago pela direção da hidrelétrica de Itaipu (R$ 11,6 milhões) […]

Arquivo Publicado em 01/01/2000, às 12h00

None

O Fundo de Previdência Social dos Servidores Pública de Mato Grosso do Sul (MS-Prev) acumula, segundo o secretário de Gestão de Pessoal e Gasto, Gilberto Tadeu Vicente, um déficit de R$ 14,6 milhões de janeiro e abril.

Segundo o secretário, o dinheiro obtido com royalties pago pela direção da hidrelétrica de Itaipu (R$ 11,6 milhões) não cobre o rombo. As contribuições dos servidores e a parte patronal somariam R$ 10,2 milhões por mês, enquanto a folha de pagamento estaria em R$ 13,6 milhões.

A diferença é bancada pelo Tesouro Estadual, mas no futuro pode comprometer a saúde financeira do MS-Prev que passaria a ser devedor do governo.

Jornal Midiamax