O Palmeiras não teve uma boa atuação neste domingo. Diante do Guarani, a equipe não conseguiu se encontrar, pecou na criatividade ofensiva e ficou no empate em 0 a 0, no Estádio Brinco de Ouro, em Campinas, pela 12ª e última rodada da fase de grupos do Campeonato Paulista. Apesar do tropeço fora de casa, garantiu a liderança geral do Estadual e do Grupo D, com 28 pontos. Assim, os comandados de Abel Ferreira medirão forças com o vice-líder São Bernardo com a vantagem de serem mandantes nas quartas de final, em partida única.

O jogo começou aberto, com boas chances para os dois lados. O Palmeiras pressionou a saída de bola dos donos da casa, que, por sua vez, apostaram nas bolas longas e contragolpes. Aos poucos, o Guarani conseguiu afastar os atuais campeões de sua meta e controlar melhor o jogo.

O forte calor em Campinas tirou o fôlego dos jogadores, e a partida diminuiu sua intensidade. Lances perigosos ficaram ainda mais escassos. A parada técnica para hidratação feita aos 30 minutos deu nova energia aos atletas.

Dudu deu trabalho ao goleiro Tony em chute colocado, mas o Guarani não deixou por menos e também exigiu boa atuação de Weverton. A equipe bugrina insistia em jogadas pelo lado direito com Bruno José, tentando aproveitar vacilos defensivos de Piquerez. No time do Palmeiras, Dudu era o mais acionado pela ponta esquerda.

No retorno do intervalo, o panorama não teve grandes alterações. Abel Ferreira promoveu a entrada de Endrick no lugar de Giovani, puxando Rony para a ponta esquerda. Apesar da mudança, o Palmeiras passou a encontrar mais dificuldades de criação, abusando da individualidade para tentar abrir o placar.

Aos 20 minutos, o Palmeiras começou a se encontrar no jogo, com Raphael Veiga como protagonista. O meia, convocado para a seleção brasileira, arriscou chute rasante de fora da área, mas o goleiro pegou. Em seguida, Veiga teve chance claríssima de frente para o gol, mas errou o alvo.

O Palmeiras continuou insistindo em busca do gol, afinal se o São Bernardo conquistasse a vitória sobre o Água Santa, a equipe alviverde poderia perder a liderança do torneio e, consequentemente, a vantagem de mandar o duelo das quartas de final.

Na reta final, Rony não teve uma, mas duas chances de deixar o Palmeiras em vantagem, mas acertou a rede pelo lado de fora na primeira oportunidade e, na segunda, isolou após bom passe de Endrick.

Com o resultado, o Palmeiras agora se concentra na disputa das quartas de final no próximo fim de semana. Já o Guarani aguarda a definição do regulamento do Troféu Independência, antigo Troféu do Interior.