Esportes

Vasco se reabilita e mantém chances na Copa São Paulo

Por 2 a 1

Diego Alves Publicado em 05/01/2017, às 23h10

None
32089661976_923e97b392_b.jpg

Por 2 a 1

Depois de perder na estreia, o Vasco se reabilitou na segunda rodada da Copa São Paulo de Futebol Júnior. Em partida disputada na noite desta quinta-feira, no estádio Luisão, o time de São Januário derrotou Rio Branco, do Espírito Santo por 2 a 1 e chegou ao segundo lugar no Grupo 9, com três pontos ganhos.

Agora, o Vasco vai decidir a classificação diante do São Carlos na próxima rodada. O time paulista goleou o Botafogo-PB por 5 a 1 e só vai precisar de um empate para garantir a vaga para a próxima fase. Com duas derrotas, o Rio Branco já está eliminado e vai encarar o Botafogo-PB que ainda tem pequenas chances de seguir no torneio.

O jogo – Necessitando de uma vitória para seguir com chances de classificação, o Vasco tentou partir para o ataque, mas o primeiro momento de perigo foi criado pelo Rio Branco. Aos três minutos, Gean arriscou de longe e assustou o goleiro João Pedro. Logo depois, em cobrança de escanteio, Robinho subiu mais do que a zaga carioca e cabeceou com perigo.

O Vasco cometia muitos erros na troca de passes e facilitava a marcação do adversário, mas no primeiro ataque organizado, aos 11 minutos, o time carioca marcou o primeiro gol. Elias cruzou na área e Athyla cabeceou com firmeza para colocar a bolas nas redes do Rio Branco.

A vantagem animou a equipe de São Januário que quase ampliou aos 16 minutos quando Paulo Vitor recebeu na área e finalizou, mas o goleiro Martin evitou o gol. O Rio Branco só conseguiu aparecer na área carioca aos 23 minutos quando Robinho investiu pela esquerda e cruzou fechado para a entrada dos atacantes, mas a zaga cruz-maltina conseguiu aliviar o perigo. O Vasco só conseguiu responder aos 31 minutos em cobrança de falta, mas o goleiro Martin saiu bem e afastou o perigo.

O Vasco ficava mais tempo com a bola, mas o Rio Branco não se entregava e tentava surpreender o adversário em chutes de fora da área como Sueth desferiu aos 34 minutos, obrigando João Pedro a se esticar para defender. Aos 43 minutos, o Vasco ampliou a vantagem. Paulo Vítor recebeu na entrada da área, tabelou com Paulo Vítor e chutou sem chances para o goleiro Martin.

O segundo tempo começou com mais uma chance criada pelo Vasco. Antes do primeiro minuto, Paulo Vítor recebeu na área e bateu forte para grande defesa do goleiro capixaba. O Vasco seguiu dominando a partida e criou uma nova chance aos 16 minutos, quando Robinho lançou para Hugo Borges que chutou prensado. A bola ainda sobrou para Paulo Vítor que não conseguiu aproveitar a oportunidade.

O Rio Branco marcou o primeiro gol aos 26 minutos. Uma desatenção dos zagueiros do Vasco na troca de passes permitiu que Robinho ficasse com a bola. O atacante capixaba invadiu a área e tocou na saída do goleiro João Pedro. Depois do primeiro gol, o Rio Branco tentou partir para a pressão, enquanto o Vasco, assustado, recuava para defender o resultado.

Aos 31 minutos, o Rio Branco desperdiçou uma oportunidade incrível para deixar tudo igual. Athyla derrubou Robinho dentro da área e o árbitro marcou pênalti Sueth bateu no canto esquerdo e o goleiro João Pedro defendeu, evitando o empate. Logo depois, o goleiro do Vasco voltou a brilhar ao defender uma cabeçada perigosa de Charles.

Os últimos minutos foram disputados em clima de tensão. O Rio Branco partiu para o ataque, buscando o gol do empate, enquanto o Vasco se defendeu bem e conseguiu garantir a primeira vitória.

Jornal Midiamax