Esportes

Sesi cancela Volta das Nações e atribui decisão à crise econômica

No ano passado, prova teve duas mortes

Midiamax Publicado em 08/10/2015, às 21h34

None
volta.jpeg

No ano passado, prova teve duas mortes

O Sesi (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial) não vai realizar neste ano a Meia-Maratona Internacional Volta das Nações, corrida que já teve seis edições, e que já vinha atraindo atletas de nível internacional. A alegação é simples: falta de dinheiro.

No ano passado, a corrida atraiu 6 mil participantes e foi vencida por dois quenianos, Edwin Kiprop Kibet, no masculino, e Nancy Jepkosgei Kipron, no feminino. A prova foi marcada, também, por duas mortes, uma no dia do evento e outra 15 dias depois, que à época foram atribuídas ao forte calor que fazia em Campo Grande no dia da prova, 12 de outubro.

Nesse ano, a previsão era que o evento fosse realizado no dia 11 de outubro, o próximo domingo.

O Sesi, por meio da assessoria de imprensa, informou, em nota, que “o quadro econômico atual nos obrigou a uma série de adequações administrativas que não comportaram a edição da prova neste ano”.

Ainda conforme o texto, a expectativa, de modo bastante otimista, é que a corrida volte a ser realizada no próximo ano.

Parceria com a TV Morena, a prova atraiu, ao todo, mais de 15 mil pessoas, porque também incluía caminhadas, além de sorteio de prêmios.

Jornal Midiamax