Com objetivo de promover a qualificação profissional, o Governo de Mato Grosso do Sul, por meio do Programa Voucher Desenvolvedor de Sistemas, abre na próxima terça-feira (21) um processo seletivo com 400 vagas para cursos gratuitos de TI (Tecnologia da Informação).

As vagas serão destinadas a estudantes da REE (Rede Estadual de Ensino) que estejam cursando, no mínimo, o 2º ano do Ensino Médio. Serão ofertadas vagas em Campo Grande (220), Dourados (65), Corumbá (25), Três Lagoas (65) e Ponta Porã (25). Outras 140 vagas devem ser abertas para o público em geral.

As inscrições para o processo seletivo nas escolas da rede estadual devem iniciar nesta terça-feira (21), e seguirão abertas até 19 de janeiro de 2024.

Quem pode participar?

O processo seletivo classificatório será destinado aos estudantes regularmente matriculados nas instituições públicas de ensino de Mato Grosso do Sul, desde que em 2024 estejam matriculados, no mínimo, no 2º ano do ensino médio.

Os candidatos aprovados serão distribuídos nas turmas disponíveis de acordo com a disponibilidade de vagas e respeitando também o seu turno de realização do Ensino Médio nas Escolas da Rede Pública Estadual.

A prova será de caráter eliminatório e classificatório, avaliada de zero a cem pontos, composta por 30 questões objetivas do tipo múltipla escolha, contendo cada questão um enunciado e cinco alternativas, entre as quais apenas uma será correta.

A avaliação abrangerá as seguintes áreas do conhecimento: língua portuguesa e raciocínio lógico. As aulas do curso de Habilitação Técnica de Nível Médio em Desenvolvimento de Sistemas iniciarão em março de 2024.

Voucher Desenvolvedor

Reunião sobre o Voucher Desenvolvedor
Reunião sobre o Voucher Desenvolvedor (Divulgação)

Ação que integra o MS-Qualifica (Plano de Qualificação Profissional para a Produtividade e o Emprego em Mato Grosso do Sul), o Voucher Desenvolvedor de Sistemas consiste no oferecimento de vagas gratuitas para o curso de Habilitação Técnica de Nível Médio em Desenvolvimento de Sistemas, com carga horária total de 1.200 horas.

Secretário da Semadesc (Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento, Ciência, Tecnologia e Inovação), Jaime Verruck, ressalta que o programa disponibiliza qualificação gratuita em uma das áreas com maior empregabilidade na atualidade, que é o segmento de tecnologia da informação.

“Nosso foco inicial é suprir uma demanda crescente por desenvolvedores de sistemas que temos recebido das empresas instaladas em nosso Estado e proporcionar aos jovens sul-mato-grossenses essa oportunidade de emprego. É uma ação alinhada com a meta do Governo de transformar Mato Grosso do Sul em um estado inclusivo, verde, próspero e digital”, destaca.