Cotidiano / Emprego & Concurso

Salários de até R$ 28 mil: MS tem dois concursos com vagas para área do Direito

Confira as oportunidades e requisitos para participar

Mylena Rocha Publicado em 08/09/2021, às 10h18

None
Ilustrativa/Pixabay

Graduados no curso de Direito que buscam uma oportunidade podem se inscrever em dois concursos com vagas para a área em Mato Grosso do Sul. Ao todo, são sete vagas disponíveis e 20 em cadastro reserva. Os salários referentes às vagas variam de R$ 4,8 mil a R$ 28,8 mil. As inscrições são feitas pela internet, confira detalhes dos editais: 

Concurso público do CAU-MS

O CAU-MS (Conselho de Arquitetura e Urbanismo de Mato Grosso do Sul) está com inscrições abertas em concurso público para provimento de vagas e formação de cadastro de reserva. As vagas são para nível médio e superior, com salários que chegam a R$ 6,6 mil. 

As oportunidades são para arquiteto e urbanista, advogado, analista de comunicação, contador e profissional de suporte técnico. Para a vaga de advogado, o candidato deve ter graduação em Direito. São 20 vagas em cadastro de reserva, com salário de R$ 4.821,48. Dos benefícios concedidos atualmente em vigor, estão disponíveis, por exemplo, auxílio-alimentação de R$ 410 por mês e vale-transporte. 

As inscrições deverão ser feitas pelo site até o dia 19 de setembro. A taxa será de R$ 90 para os empregos de nível superior; e R$ 73 para os empregos de nível médio. As provas serão aplicadas na data provável de 17 de outubro.

Confira o edital. 

Concurso público da DPE-MS

A DPE-MS (Defensoria Pública do Mato Grosso do Sul) abriu concurso público com sete vagas imediatas para defensor público. As inscrições começam na próxima segunda-feira (13) e o salário inicial é de R$ 28.884,20.

Do total de oportunidades, cinco são para ampla concorrência e duas para cotistas negros. Haverá ainda a formação de cadastro de reserva. Os aprovados poderão ser convocados durante todo o prazo de validade do concurso, mediante necessidade e orçamento disponível. A carreira de defensor público tem como requisitos: bacharelado em Direito e três anos de atividade jurídica. 

As inscrições devem ser feitas entre os dias 13 de setembro a 18 de novembro, pelo site da Fundação Getulio Vargas (FGV). O primeiro passo é preencher o formulário com todas as informações solicitadas e depois pagar a taxa, no valor de R$ 250, até 19 de novembro. Terão direito à isenção da taxa: desempregados e carentes, que realizaram doação de sangue, doação de medula óssea, convocados e nomeados pela Justiça Eleitoral a participar do pleito eleitoral. 

Para solicitar a isenção será preciso completar requerimento específico de 13 a 24 de setembro, pelo portal da FGV. Além de enviar a documentação comprobatória das condições. A banca organizadora analisará os documentos e divulgará o resultado dos pedidos de isenção em sua página na internet. 

Confira edital aqui, a partir da página 174. 

Jornal Midiamax