A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) suspendeu a aplicação da primeira fase do Exame de Ordem XXXII, que seria realizada no dia 07 de março, domingo da próxima semana. Comunicado foi publicado na manhã deste sábado (27) e diretoria ressaltou que não há previsão de nova data.

Conforme as informações, decisão foi tomada a partir de estudo realizado pela Fundação Getulio Vargas que analisou a viabilidade da prova devido ao agravamento do Covid-19 em todas as regiões brasileiras.

Dessa forma, o Exame de Ordem não será aplicado para conter maior número de contágio e agravamento da pandemia. A diretoria ainda declarou que a prioridade é garantir a segurança sanitária de todos os examinandos e profissionais envolvidos com a prova.

Além disso, o presidente nacional da OAB, Felipe Santa Cruz, manifestou em seu Twitter que lamenta a decisão, mas que ela foi necessária.

“Após a publicação do decreto fechando Brasília. A diretoria da OAB decidiu voltar ao regime de trabalho telepresencial, cancelar a sessão hibrida do Conselho, será mantida em meio virtual, e adiar o XXXII Exame de Ordem. Lamentamos, mas é o que a responsabilidade nos impõe.”, diz o presidente da OAB.