Cotidiano / Emprego & Concurso

Confira: Polícia Civil nega 6,3 mil pedidos de isenção de taxa de concurso

Inscrições para concurso continuam abertas

Joaquim Padilha Publicado em 30/06/2017, às 12h12

None

Inscrições para concurso continuam abertas

O governo do Estado divulgou nesta sexta-feira (30) o resultado dos pedidos de isenção de taxa do concurso público da Polícia Civil, com 210 vagas e salários de até R$ 14,9 mil. As inscrições para o concurso continuam abertas, até o dia 10 de julho.

Conforme apurado pelo Jornal Midiamax, pelo menos 6,3 mil pedidos de isenção da taxa foram negados pela SAD (Secretaria de Estado de Administração e Desburocratização). 

O concurso, com vagas para escrivão de polícia judiciária, investigador da polícia judiciária e delegado de polícia, tem uma taxa de inscrição de R$ 197,28 para todos os cargos. Os pedidos de isenção puderam ser protocolados até o dia 14 de junho.

Aqueles que tiveram o pedido de isenção da taxa indeferido deverão pagar o valor da inscrição até o dia 10 de julho, preferencialmente no Banco do Brasil, ou em agências do Itaú, da Caixa, Bradesco, Sicredi e Santander.

Os candidatos que não conseguiram a isenção da taxa podem solicitar esclarecimentos quanto ao motivo do indeferimento, em até dois dias úteis. Porém, a SAD (Secretaria de Estado de Administração e Desburocratização) explica que os indeferimentos não permitem recurso.Confira: Polícia Civil nega 6,3 mil pedidos de isenção de taxa de concurso

Segundo o edital do concurso, os pedidos de isenção de taxa seriam indeferidos caso os candidatos não cumprissem as normas do edital, emitissem informações, faltassem com documentos exigidos ou falsificassem os mesmos, entre outras ocasiões.

As relações dos candidatos isentos da taxa de inscrição e dos candidatos que tiveram seus pedidos negados foram publicadas no Diário Oficial do Estado, a partir da página 10 para candidatos do cargo de delegado de polícia, e a partir da página 22 para candidatos dos cargos da polícia judiciária.

Para acessar o Diário, clique aqui.

Jornal Midiamax