Cotidiano / Emprego & Concurso

Festeiro conquista 5º título no Concurso de Andores em Corumbá

Oito festeiros participaram do Concurso de Andores realizado na noite do sábado, 18 de junho, no Jardim da Independência, dentro das atividades do Jardim Caipira. Pela quinta vez, em seis concursos, o vencedor foi o festeiro Alfredo Ferraz. Ele já havia vencido a disputa em 2006; 2007; 2008 e 2010. Em 2009 foi o vice-campeão, […]

Arquivo Publicado em 20/06/2011, às 10h18

None

Oito festeiros participaram do Concurso de Andores realizado na noite do sábado, 18 de junho, no Jardim da Independência, dentro das atividades do Jardim Caipira. Pela quinta vez, em seis concursos, o vencedor foi o festeiro Alfredo Ferraz. Ele já havia vencido a disputa em 2006; 2007; 2008 e 2010. Em 2009 foi o vice-campeão, naquela oportunidade, o vencedor foi o radialista Pedro Paulo Miranda, o “Pepê”.

Uma comissão julgadora composta por cinco pessoas escolheu o melhor andor, analisando os quesitos: criatividade, adereço e histórico. Cada item julgado recebeu notas entre 5 e 10. Foram distribuídos R$ 1,5 mil como premiação.

Os andores que participaram do concurso retrataram a devoção das famílias de “festeiros” que mantêm a tradição de banhar a imagem de São João nas águas do rio Paraguai, em retribuição a uma graça alcançada. A decoração das peças, em sua maioria, foi marcada pela simplicidade – exaltando a imagem do Santo, usando tons em vermelho e branco.

Todos os oito festeiros tiveram três minutos para contar a história de como surgiu a tradição de cultuarem o santo que batizou Jesus Cristo nas águas do rio Jordão. Os andores ficaram expostos na praça, em frente ao Coreto, para apreciação pública e avaliação da comissão julgadora.

Vencedor com 146 pontos, Alfredo Ferraz, do bairro Popular Velha destacou que sempre fez a festa em casa “só com a fogueira”, mas a partir de 1999 começou a fazer o andor, iniciando as descidas para banhar a imagem sagrada em 2002. A crença no santo, que move a criação do andor, começou com o avô dele, João Ferraz, ainda na década de 70.

“Isso é resultado nosso trabalho, da nossa união e fé em São João Batista”, disse a este Diário o festeiro pentacampeão do concurso. “Enfeitamos o andor com fuxicos e representações de peças que também estão presentes na decoração do Porto Geral”, complementou Ferraz ao detalhar a decoração do andor.

Mesmo vencendo pela quinta vez, Alfredo argumentou que o mais importante é o Santo e o momento de levar a imagem sagrada para banhá-la no rio Paraguai. “O ponto alto de toda essa celebração é descida e o banho do santo”, complementou. Tradicionalmente, o cortejo dos andores para o rio Paraguai ocorre na noite de 23 de junho, véspera do dia consagrado a São João.

A segunda colocação ficou com o andor confeccionado por Bianca Machado, que somou 140 pontos. O terceiro lugar foi para Roberto Carlos da Silva, o andor dele teve 138 pontos. O campeão da noite recebeu prêmio de R$ 700. Para o segundo colocado a premiação foi de R$ 500. O terceiro lugar teve direito a quantia de R$ 300.

Diretora-presidente da Fundação de Cultura e Turismo do Pantanal de Corumbá, Heloísa Urt, afirmou que o concurso de andores já virou uma tradição e sua realização é muito esperada na cidade. “É uma tradição, sem dúvida e não tem mais como acabar. O povo já fica aguardando e a vem para assistir, é uma verdadeira festa. Aliás, em Corumbá o São João é uma festa”, afirmou.

O Arraial do Banho de São João, no Porto Geral de Corumbá, começa na próxima quinta-feira, 22 de junho. Entre as atrações estão a dupla sertaneja Túlio e Thiago e os humoristas Nico e Lau.

Jornal Midiamax