A (Agência de Defesa Sanitária Animal e Vegetal), destaca a relevância do cadastro das áreas de plantio de , referente à safra 2023/2024, no estado de Mato Grosso do Sul. O prazo se encerra na próxima quarta-feira, dia 31 de janeiro, e a realização do cadastro é exclusivamente online, sem custo para o produtor e por meio do site oficial da agência: http://www.servicos.iagro.ms.gov.br/plantio.

O diretor-presidente da IAGRO, Daniel Ingold, ressalta a importância estratégica do cadastro para fortalecer a segurança fitossanitária e salvaguardar a sanidade das plantações, especialmente no controle da ferrugem asiática. “O cadastro das áreas de cultivo de soja é um pilar fundamental para reforçar a segurança e desempenhar um papel crucial na proteção das colheitas. Estamos unidos para garantir a sanidade e a produtividade de nossas plantações”, acrescenta Ingold.

A Iagro, ao estender o prazo em dezembro, buscou proporcionar flexibilidade aos agricultores, permitindo que todos possam cumprir essa obrigação de maneira eficaz. A colaboração de cada produtor é essencial para a segurança fitossanitária das plantações de soja em Mato Grosso do Sul.