Cotidiano / Economia

Crescem quase 10% vagas de emprego ofertadas em MS; saiba quais setores estão contratando mais

Com queda nas ofertas de trabalho em Campo Grande, interior vira polo de oportunidades

Gabriel Maymone Publicado em 25/04/2021, às 11h20

Comércio foi o setor que mais teve crescimento nas contratações
Comércio foi o setor que mais teve crescimento nas contratações - Divulgação

O número de vagas de emprego ofertadas pela Funtrab (Fundação do Trabalho) em Mato Grosso do Sul cresceu 9,75% no 1º trimestre de 2021 em relação ao mesmo período do ano passado. Veja abaixo quais foram os setores que mais estão contratando.

Conforme o levantamento da Funtrab, nos três primeiros meses de 2021, foram oferecidas 10.205 oportunidades de trabalho no Estado, enquanto que de janeiro a março do ano passado, foram 9.298 vagas de emprego.

Apesar do aumento na oferta de emprego, nem todos os setores apresentaram crescimento na procura por contratações. O setor industrial, por exemplo, disponibilizou número menor de vagas no 1º trimestre deste ano. Houve redução de 14,85%, caindo de 1.468 para 1.250 em 2021.

Indústrias de MS apresentaram recuo na oferta de vagas pela Funtrab
Caption

Um dos segmentos de destaque de MS, a agropecuária manteve o ritmo de contratações no mesmo patamar do ano passado. Os dados da Funtrab mostram que, enquanto que no 1º trimestre de 2020 foram 4.069 vagas ofertadas. Já no mesmo período de 2021, foram 4.055 oportunidades de trabalho abertas.

Por outro lado, o setor que mais avançou nas contratações no período foi o comércio, com crescimento de 67,4% das vagas oferecidas. Enquanto que nos três primeiros meses de 2020, foram 1.051 vagas de emprego ofertadas, o número saltou para 1.760 neste ano.

Também destacou-se no ritmo de contratações o setor de serviços - que é o que mais emprega em MS. O segmento ofereceu 1.243 vagas de emprego em 2020. Houve acréscimo de 18,9% em 2021, com a oferta de 1.478 postos de trabalho.

Contratações disparam no interior de MS

Apesar de ser o polo de atividades econômicas, Campo Grande apresentou recuo na oferta de vagas, passando de 1.510 em 2020 para 1.193 no 1º trimestre de 2021, uma queda de 21%.

Com isso, o destaque ficou para os municípios do interior. Nos primeiros três meses deste ano, Amambai - região sul de MS, por exemplo, teve mais vagas ofertadas que Campo Grande. Foram 2.148 vagas abertas no município, com destaque para a agropecuária, responsável por abrir 1.148 postos de trabalho.

Agropecuária impulsionou contratações em Amambai
Caption

O município de Caarapó, também na região sul do Estado, teve aumento de 4 vezes o número de vagas oferecidas este ano em relação ao ano passado. Enquanto que de janeiro a março de 2020 foram apenas 108 oportunidades abertas, até março de 2021 já haviam sido abertas 558  vagas de emprego.

O diretor- presidente da Funtrab, Marcos Derzi, ressaltou as ações realizadas pela fundação para oferecer vagas durante a pandemia. "Destaque para o reforço na captação de vagas. No interior, com captação externa e interna, e na Capital foi por telefone e WhatsApp. É nossa função como agência pública disponibilizar oportunidades para os trabalhadores do Estado", pontuou.

Jornal Midiamax