Cotidiano / Economia

Caixa Tem vai conceder empréstimo e cartão de crédito a correntistas de baixa renda

Novidades devem ser implementadas após o fim do auxílio emergencial

Gabriel Maymone Publicado em 13/08/2021, às 07h57

Caixa Tem vai oferecer novos serviços para incentivar uso dos correntistas
Caixa Tem vai oferecer novos serviços para incentivar uso dos correntistas - Reprodução

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) entregou esta semana projeto que viabiliza o Auxílio Brasil e que garantem medidas a serem liberadas no aplicativo Caixa Tem como empréstimos e cartão de crédito para correntistas de baixa renda.

O aplicativo da Caixa Econômica Federal foi criado em 2020 para realizar os pagamentos do auxílio emergencial, mas vem ganhando força e o banco tem pretensões de transformá-lo em banco digital.

Por exemplo, já estão sendo feitos pagamentos de outros programas como Bolsa Família e Seguro-Desemprego. Os beneficiários, além de receber pelo aplicativo, sendo essa uma forma muito prática, podem ainda usufruir dos serviços disponibilizados. As funções são concedidas de forma gratuita, porém os limites devem ser consultados.

Serviços do Caixa Tem

  • Realizar pagamento de contas e boletos;
  • Fazer pagamentos em casas lotéricas;
  • Efetuar recargas de telefone celular (qualquer operadora);
  • Receber dicas financeiras;
  • Efetuar compras pela internet por meio do cartão de débito virtual;
  • Fazer compras em lojas físicas por meio do QR Code;
  • Fazer o informe dos rendimentos de pessoa física;
  • Efetuar consultas do Número de Identificação Social (NIS);
  • Realizar consultas do Bolsa Família;
  • Receber as parcelas do Seguro Desemprego;
  • Efetuar transferências via DOC e TED;
  • Fazer transações com o PIX;
  • Consultar o extrato de movimentações da conta poupança.

Microcrédito

Com a viabilização do Auxílio Brasil, os usuários do Caixa Tem terão acesso a linhas de crédito do aplicativo. Trata-se de uma espécie de empréstimo consignado em que o correntista pode comprometer até 30% de sua renda.

Conforme a proposta, a intenção do banco é fazer com que os correntistas utilizem o Caixa Tem como banco principal. Então, a estratégia seria liberar cartões de crédito. 

O empréstimo disponibilizará valores entre R$ 500 e R$ 3 mil, conforme o perfil do cliente e com parcelas de 18 a 24 meses.

A previsão é que os serviços comecem a ser disponibilizados após o fim do auxílio emergencial, que será encerrado em outubro.

Jornal Midiamax