Cotidiano / Economia

Último lote de restituições do IR paga 2,9 mil contribuintes de MS nesta segunda-feira

Valores depositados pela Receita Federal neste último lote de restituições injetam R$ 5,2 milhões na economia de Mato Grosso do Sul.

Jones Mário Publicado em 29/11/2020, às 13h37

Imagem ilustrativa. (Foto: Divulgação/Governo Federal)
Imagem ilustrativa. (Foto: Divulgação/Governo Federal) - Imagem ilustrativa. (Foto: Divulgação/Governo Federal)

A Receita Federal paga as restituições do IRPF (Imposto de Renda de Pessoa Física) 2020 de 2.919 contribuintes sul-mato-grossenses nesta segunda-feira (30). A soma dos valores neste último lote do ano é de R$ 5,2 milhões.

O crédito diz respeito às declarações transmitidas até o dia 11 de novembro. Com a leva final, as restituições em Mato Grosso do Sul chegam ao total de R$ 104,7 milhões em 2020, pagos a 51.184 contribuintes.

Por outro lado, se somadas com as restituições residuais da declaração de IRPF do ano passado, o valor atinge R$ 108,3 milhões, distribuídos entre 52.631 pessoas.

É possível consultar o pagamento da restituição deste último lote na página da Receita Federal na internet ou pelo telefone 146.

Na consulta ao Portal e-CAC, é possível acessar o serviço “Meu Imposto de Renda” e ver se há inconsistências identificadas pelo processamento. Caso tenha, o contribuinte pode corrigir com a entrega de declaração retificadora.

A restituição fica disponível no banco durante um ano. Se o contribuinte não fizer o resgate até lá, deverá requerer o valor pela internet, mediante formulário eletrônico, ou diretamente no Portal e-CAC, no “Meu Imposto de Renda”.

Se o valor não for creditado, o contribuinte pode procurar pessoalmente qualquer agência do Banco do Brasil ou ligar para a Central de Atendimento, por meio dos telefones 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos) para agendar o crédito em conta-corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco.

Jornal Midiamax