Cotidiano / Economia

Após operação da PF, ações da JBS sofrem forte queda no mercado

Ações foram destaque de baixa do Ibovespa 

Clayton Neves Publicado em 05/09/2016, às 22h47

None
bovespa.jpg

Ações foram destaque de baixa do Ibovespa 

Depois de ser divulgado que o presidente da indústria frigorífica JBS e sócio da holding J&F, Wesley Batista, foi conduzido para prestar depoimento para a Polícia Federal por investigações na Operação Greenfield, as ações da JBS registraram queda. As ações ordinárias da empresa são nesta segunda-feira (5) o destaque de baixa do Ibovespa, em queda de 4,42%, a R$ 11,90. O Ibovespa, por sua vez, operava em alta de 0,34%, aos 59.819 pontos.

A Operação da Polícia Federal apura esquemas de pagamento de propina nos maiores fundos de pensão do País. Wesley Batista foi levado por meio de condução coercitiva para prestar esclarecimentos juntamente com o empresário Walter Torre Junior, fundador e CEO da Wtorre. A PF também realiza buscas na empresa de celulose do grupo, a Eldorado.

Em nota divulgada à imprensa, a JBS informou que a J&F e seus executivos tê colaborado com as investigações e estão à disposição das autoridades para prestar esclarecimentos necessários. 

Jornal Midiamax