Crise: mais de 200 empregos foram eliminados no Estado em junho

Setor da construção civil contribuiu para o resultado
| 19/07/2015
- 21:30
Crise: mais de 200 empregos foram eliminados no Estado em junho

Setor da construção civil contribuiu para o resultado

Os reflexos da crise financeira enfrentada por muitos Estados do Brasil pôde ser sentida principalmente em junho, aqui em Mato Grosso do Sul. De acordo com dados do (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), divulgados nessa sexta-feira (17), em junho foram eliminados 236 empregos celetistas no Estado.

O resultado equivale a uma redução de 0,05% em relação ao estoque de assalariados de maio. As áreas de Indústria de Transformação e Construção Civil foram as que mais diminuíram postos de trabalhos no mês passado, segundo o Caged. 

Dourados, distante 226 quilômetros da Capital sul-mato-grossense, ocupa a primeira colocação na tabela da evolução do emprego formal em municípios com mais de 30 mil habitantes. Somente em junho houve 2.359 admissões e 2.118 demissões na região.

Ainda de acordo com levantamento do Ministério do Trabalho e Emprego, na esfera nacional, dos oito setores de atividade econômica, apenas a Agricultura, por motivos sazonais, obteve desempenho positivo durante o mês, com mais 44.650 postos de emprego.

 

Veja também

Bares e restaurantes têm o melhor desempenho do ano em julho, mas número de estabelecimentos...

Últimas notícias