Cotidiano / Economia

Cesta básica apresenta retração e tomate puxa preços para baixo

Consumidor deve economizar R$ 2,72 na compra da cesta básica 

Thatiana Melo Publicado em 06/08/2015, às 15h45

None
cesta-basica.jpg

Consumidor deve economizar R$ 2,72 na compra da cesta básica 

Levantamento feito pelo Dieese (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos) apontou uma pequena retração na cesta básica em julho em comparação ao mês anterior, de -0,78% em Campo Grande. De R$ 349,80 a cesta básica teve redução para R$ 347,08 em julho, uma economia de R$ 2,72.

A região centro-oeste foi a que mais apresentou queda nos preços, a capital federal teve o maior índice de -1,30%, seguida por Goiânia com -0,66%. Já Belém teve a retração mais expressiva de -4,76% e Porto Alegre a mais discreta com -0,24%.

Segundo o levantamento o item que teve maior redução foi o tomate com -10,59%, principalmente, por causa das condições climáticas, o que fez com que o preço permanecesse estável. A banana também teve redução de -6,33% neste caso o volume ofertado da fruta favoreceu a queda nos preços.

Já produtos como batata, farinha de trigo, açúcar, carne bovina e pão francês tiveram aumentos de junho para julho. A batata foi o produto com maior índice de elevação de 5,16%, seguida pela farinha de trigo com 2,13%, açúcar 1,24, carne bovina 0,85% e pão francês com 0,56%.

No caso da batata a oferta para mercados como São Paulo e Rio de Janeiro diminuíram a oferta para o mercado sul-mato-grossense.

Jornal Midiamax