Cotidiano / Economia

Produtividade cai 34% na 2º safra de milho no MS

A 2ª safra de milho, por causa da estiagem no mês de março, ficou comprometida em Mato Grosso do Sul. De acordo com o quinto levantamento da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), feito em maio, a produtividade cairá em 34%. Será a maior redução do País. Na Estimativa da Conab, devem colhidas 633 mil toneladas. […]

Arquivo Publicado em 01/01/2000, às 12h00

None

A 2ª safra de milho, por causa da estiagem no mês de março, ficou comprometida em Mato Grosso do Sul. De acordo com o quinto levantamento da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), feito em maio, a produtividade cairá em 34%. Será a maior redução do País. Na Estimativa da Conab, devem colhidas 633 mil toneladas.

Também houve perdas em São Paulo (8,7%), Mato Grosso (6,9%) e Goiás (6,1%). Na primeira safra, com a plantação iniciada em setembro, a redução foi maior. De 1,1 milhão de tonelada produzido ano passado, a colheita ficará limitada a 637 mil toneladas. A queda é de 46% contra a redução de 15,8% no País. No Estado, muitos agricultures preferiram cultivar soja a milho. A área plantada se limita a apenas 119 mil hectares.

Jornal Midiamax