Uma divulgada pelo -CG (Subsecretaria de Proteção e Defesa do de ), nesta quinta-feira (22), revela a variação de 36,84% no preço do botijão de gás de cozinha de 13 kg. O menor valor encontrado é de R$ 95 e o máximo, R$ 130.

O levantamento foi feito entre os dias 15 e 20 de fevereiro, em 22 estabelecimentos de vários bairros. Segundo a pasta, a pesquisa colheu dados diversos de distribuidoras, revendedoras e supermercados. O preço médio é R$ 106,49.

Comparado a um balanço feito entre janeiro, março, maio, julho e dezembro do ano passado, o menor preço tem variação de -5,00%, enquanto o preço máximo se manteve entre R$ 120 a R$ 130.

“O Procon Municipal recomenda que os consumidores de Campo Grande realizem pesquisa prévia antes de adquirir o gás de cozinha, levando em consideração não apenas o preço, mas também a qualidade e os atendimentos oferecidos pelo estabelecimento, assim como também a taxa de entrega”.

Confira a pesquisa: