Com a chegada do ano letivo escolar, o Procon de Mato Grosso do Sul percorreu os estabelecimentos comerciais que vendem tais produtos entre os dias 20 e 27 de janeiro. Conforme a pesquisa da entidade, preços de materiais variam até 800% nas lojas.

Integrantes do Setor de Pesquisa do Procon Estadual visitaram 10 pontos comerciais, localizados na área central e também nos bairros de Campo Grande, coletando preços de 191 produtos, dos quais são divulgados 178.

Assim, os materiais escolares tiveram variação de até 800%, como é o caso o caso do papel espelho que na Livraria São Paulo (avenida as Bandeiras 1 461 – Jardim Jockey Clube) está à venda por R$ 1,80 enquanto na Livraria Franco (rua Maracaju 101 – centro) custa R$ 0,20.

Já a fita adesiva dupla face 12×30 Eurocel teve o maior valor encontrado na Suprimac (rua 14 de Julho 446 – Vila Glória) por R$ 8,00  enquanto na Livraria Moderna (rua 7 de Setembro 606 – Centro) onde o produto é vendido por R$ 7,99.

Comparativo

Durante a  realização  dos trabalhos de pesquisa foram estabelecidos termos comparativos entre os  valores praticados atualmente e no mês anterior (dezembro de 2 022), onde se concluiu que de 172 produtos  comparados, 93 apresentaram decréscimo nos valores de venda. Entre estes, a borracha branca pequena simples Mercur cujo valor está -27,27%, ou seja houve diminuição no preço e o caderno brochurão, capa dura cujo valor de venda, também, está menor em -0,10%.

Confira a pesquisa completa aqui, bem como o comparativo dos materiais escolares de dezembro a janeiro.