Cotidiano / Consumidor

Subestação da Energisa a ser instalada em Campo Grande vai ampliar capacidade de distribuição em 13%

Previsão para inaugurar a subestação é em maio de 2022

Renata Volpe e Gabriel Neves Publicado em 05/07/2021, às 09h26

None
Marcos Ermínio, Jornal Midiamax

Prevista para ser inaugurada em maio de 2022, a subestação de distribuição de energia elétrica Campo Grande Progresso vai ampliar a capacidade em 13%, o que seria suficiente para atender uma cidade como Ponta Porã. 

Na manhã desta segunda-feira (5), o diretor-presidente da Energisa, Marcelo Vinhaes, afirmou que o custo da subestação é de R$ 45 milhões e vai empregar 100 pessoas de forma direta. 

Ainda segundo Vinhaes, a inauguração da subestação vai desafogar a distribuição de energia elétrica em Campo Grande. “Vamos atender 88 mil pessoas, sendo 33 mil de forma direta. Essa subestação visa a melhoria da qualidade e ampliação das cargas na Capital”, disse.

Jornal Midiamax