Cotidiano / Consumidor

Vazamento de gás amônia desabriga 150 famílias em Corumbá

Algumas chegaaram a passar mal por causa do gás

Diego Alves Publicado em 09/06/2017, às 23h10

None

Algumas chegaaram a passar mal por causa do gás

Vazamento de gás amônia em uma fábrica de cerveja desativada no Bairro Cervejaria em Corumbá, cidade a 428 quilômetros de Campo Grande, nesta quinta-feira (08), mobilizou três viaturas do Corpo de Bombeiros. Vazamento de gás amônia desabriga 150 famílias em Corumbá

O cheiro forte assustou moradores da região e aproximadamente 150 famílias deixaram suas casas. Segundo informações dos Bombeiros, sete pessoas, entre adultos e crianças, passaram mal por conta da inalação do gás, uma delas de 2 anos, precisou ser transferida para o Pronto Socorro Municipal.

De acordo com o site Capital do Pantanal, os bombeiros isolaram a área num raio de 200 metros e contaram com a ajuda da chuva para conseguir eliminar o forte cheiro que incomodava os vizinhos da fabrica. 
Para o trabalho, os militares utilizaram roupa especial capsulada totalmente vedada, com sistema respiratório autônomo. Somente por volta das 2h30 da madrugada desta sexta (9), o trabalho foi finalizado.

O resíduo de gás escapou de um dos cilindros das tubulações de resfriamento que estavam sendo desmontadas, juntamente com os demais maquinários da fábrica, que seriam levados para a cidade de Toledo, no estado do Paraná. A Polícia Militar Ambiental vai fiscalizar a fábrica e avaliar as circunstâncias do vazamento.

Jornal Midiamax