Cotidiano / Consumidor

‘Corda no pescoço’: inadimplência do consumidor sobe 0,6% no acumulado até maio

Índice é calculado pelo SCPC

Wendy Tonhati Publicado em 27/06/2016, às 15h03

None
0080.jpg

Índice é calculado pelo SCPC

A inadimplência do consumidor em Campo Grande subiu 0,6% no acumulado do ano (até maio de 2016), na comparação com o mesmo período do ano anterior, de acordo com dados da Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito).

Na avaliação interanual (maio de 2016 contra maio de 2015) a inadimplência aumentou 7,9%. Já na análise de curto prazo (maio de 2016 contra abril de 2016) houve queda de 0,7%.

Já o indicador de recuperação de crédito do consumidor em Campo Grande, obtido a partir da quantidade de exclusões dos registros de inadimplência, apontou elevação de 4,2% no acumulado do ano (até maio de 2016), na comparação com o mesmo período do ano anterior. 

Na variação interanual (maio de 2016 contra maio de 2015) houve alta de 15,6% no pagamento de dívidas. Já na análise de curto prazo (maio de 2016 contra abril de 2016) o aumento foi de 1,2%.

Além de Campo Grande, a SCPC deu início a divulgação mensal do seu indicador de registros de inadimplentes e recuperação de crédito de Campo Grande, Dourados, do estado sul mato-grossense e região Centro-Oeste.

Jornal Midiamax