Cotidiano / Consumidor

Após reclamações Caixa é autuada pelo Procon

Depósitos estavam suspensos por conta da greve

Midiamax Publicado em 12/09/2016, às 21h30

None
procon-_divulgacao.jpg

Depósitos estavam suspensos por conta da greve

Após reclamações de diversos clientes da Caixa Econômica Federal, que procuravam o serviço de depósito bancário e recebiam 'negativas' nas agências, o Procon/MS (Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor) autuou a Caixa e agora o banco deve disponibilizar seis agências nas regiões da cidade para concentrarem qualquer problema que os clientes possam ter com os serviços em razão da greve dos bancários. Além da resolução – que foi decidida por um compromisso entre as partes – a Caixa também se comprometeu a resolver o problema dos depósitos.

“A gente foi verificar as denúncias e todas foram procedentes, a gente já conversou com o Superintendente e fechamos um compromisso de manutenção. Escolhermos agência colocadas em regiões da capital, em seis regiões, e vai ter o atendimento nos casos em que realmente necessite”, explicou a superintendente do Procon, Rosimeire Costa.

O funcionamento em regime de 'exceção' para serviços considerados essenciais em estados de greve, que prevê funcionamento de 30% do efetivo, é previsto por lei. Ainda assim, durante a greve dos bancários, deflagrada na última terça-feira (6), o Procon teve que autuar diversos bancos em Mato Grosso do Sul.

“A Caixa falou 'ah nosso atendimento não é esse' mas isso não é entendimento, é lei. O banco Itaú, após ser autuado ofertou duas agências para concentrar a resolução de qualquer problema com os clientes e e outros bancos também. Então o que a gente prevê que é que é constitucional o direito de greve mas não pode causar um transtorno imensurável pro consumidor. A caixa ao não repor esses envelopes, por exemplo, quebra esse compromisso e essa situação mexe um pouco com o alto atendimento”, complementa Rosimeire.

Jornal Midiamax