Famílias que ocupavam uma área aos fundos da da Homex, em Campo Grande, tiveram seus barracos destruídos, na tarde desta terça-feira (28). Cerca de 42 famílias estavam vivendo no local.

“Tem muitas crianças aqui. Olha a mãe chorando com sua aqui. O pessoal está aqui quebrando tudo”, diz morador ao Jornal Midiamax. As famílias ocuparam a área a cerca de 45 dias e presenciaram seus barracos sendo destruídos por um retroescavadeira.

Confira:

De acordo com a Amhasf (Agência Municipal de Habitação e Assuntos Fundiários), as famílias não estão cadastradas como parte da comunidade da Homex, portanto estavam irregulares na área, que é uma APP (Área de Preservação Permanente).

Por conta disso, a agência coibiu a tentativa de invasão com a ação desta tarde. Equipes da GCM (Guarda Civil Metropolitana) acompanharam a ação da prefeitura, que fizeram vistoria na área, que já tinha marcação até para receber ruas.

A ressaltou que a prefeitura já está em processo de regularização fundiária da comunidade da Homex e que a agência vai coibir qualquer tentativa de invasão.

homex
Viaturas da GCM (Foto: Fala Povo/Jornal Midiamax)

Fale com os jornalistas do Midiamax

Tem alguma denúncia, flagrante, reclamação ou sugestão de pauta para o Jornal Midiamax? Envie direto para nossos jornalistas pelo WhatsApp (67) 99207-4330. O anonimato é garantido por lei.

Acompanhe nossas atualizações no Facebook, Instagram e Tiktok