Mato Grosso do Sul encerrou o domingo (12) com temperatura média de 39,5°C e bateu um novo recorde ao ter 7 das 10 cidades mais quentes do Brasil, de acordo com o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia), que divulgou ranking e inclusive coloca Porto Murtinho como o município mais quente do país. Por lá, a temperatura bateu na casa dos 42,7°C e a sensação térmica chegou a 48°C.

Segundo o Instituto, as cidades seguintes foram Corumbá (42°C), Bataguassu, Coxim e Três Lagoas (41,8°C) e Água Clara (41,6°C) e (41,5°C), na região norte do estado. Ao todo, MS teve 15 cidades com temperaturas acima dos 40°C.

“Os dados mais marcantes deste domingo também incluem , que também teve sensação térmica de 41°C. O município de Três Lagoas teve a umidade relativa do ar em 15% e, , 19%”, afirmou ao Jornal Midiamax o meteorologista Natálio Abraão.

Mais calorão vem aí!

(Nathalia Alcântara/Jornal Midiamax).

Para a próxima semana, mais calorão. Ainda segundo o meteorologista, o dia 19 de novembro, próximo domingo, pode ser o dia que vai superar todas estas temperaturas em Mato Grosso do Sul.

“É o centro de alta pressão que está bloqueando e represando o ar quente no Centro-Oeste. E 19 é o dia que deve mudar o tempo, com nova frente fria que pode enfraquecer essa massa de ar. Enquanto isso, segue o calorão. Campo Grande, às 7h de hoje, já estava com 30°C e Coxim com 32,1°C, por exemplo”, disse Abraão.


Saiba Mais