Os proprietários de veículos apreendidos e recolhidos ao pátio do (Departamento de de Mato Grosso do Sul) têm 10 dias para regularizar a situação do bem e evitar que o veículo seja levado ao leilão. A de irregulares foi publicada na edição do Diário Oficial do Estado desta terça-feira (7).

Conforme a medida, a lista indica veículos apreendidos nos pátios das agências de trânsito há mais de 30 dias. A partir da publicação do edital, os donos devem ir ao respectivo local do bem para regularização da documentação e pagamento dos encargos devidos.

Quem perder o prazo estará sujeito de perder o bem para o leilão, seja na modalidade de sucata a conservado para circulação. Vale lembrar que mesmo que o veículo tenha sido leiloado, na eventualidade do valor arrecadado ser insuficiente para a quitação dos débitos existentes no prontuário dos veículos, os responsáveis poderão ser cobrados judicialmente.

Confira a lista:

Saiba Mais