Os fogos de artifício assustaram Jade no . O barulho dos estouros fez a cachorrinha de dois anos fugir do próprio lar, no Zé Pereira em Campo Grande. Assim, a família tutora procura a pet desde 24 de dezembro.

Antes mesmo de finalizar as felicitações natalinas, a família notou a falta de Jade, que passou por uma grade quebrada no portão. A cachorrinha foi vista pela última vez na rua Alexandre Marques, no Zé Pereira, onde vive com a tutora e mais duas crianças.

Jade teve o nome escolhido pela filha de Geciely Silva, quando ainda tinha quatro anos de idade. Segundo a prima da tutora, Patrícia Ribeiro da Silva, a cachorra faz falta diária para as crianças.

“Ela é super dócil, gosta muito dos filhos dela [Geciely]”, disse. Patrícia explica que a família se mudou recentemente para a nova casa.

Contudo, destaca que Jade “já tinha se adaptado na nova casa”. Esse seria o primeiro natal dela, porém a cachorrinha se assustou com os fogos e correu para a rua.

Fruto de uma adoção das redes sociais, Jade está há dois anos com a família. De porte médio e SRD (Sem Raça Definida), a pet tem fotos e vídeos espalhados pela internet.

“Publicamos em vários grupos do e muita gente ajudou na busca”, lembra Patrícia. No entanto, a procura por Jade continua.

Viu a Jade? Ligue ou mande mensagem para a tutora pelo 67 99332-6938.