A Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) deve lançar em breve uma nova estratégia para busca de moradores de que ainda não aplicaram a 4ª dose reforço contra a -19. De acordo com o novo secretário da pasta, Sandro Benites, a intenção é verificar o maior número possível de pessoas em todas as faixas etárias.

Em agenda na manhã desta quinta-feira (15), Benites disse que esteve em na Aldeia Marçal de Souza, junto com a Superintendente de Vigilância em Saúde, Veruska Lahdo, para também verificar a taxa de vacinados na comunidade indígena.

Recentemente, a secretaria havia pontuado que a aplicação da segunda dose de reforço e a 4ª dose, em novos grupos, tem avançado de forma tímida em Campo Grande. A vacinação para a de 35 anos foi liberada em 21 de julho e foi decrescendo até 18 anos ou mais a partir do dia 28 de novembro.

Segundo a Sesau (Secretaria Municipal de Saúde), em quatro meses, apenas 1.823 campo-grandenses nessa faixa etária foram vacinados com a quarta dose.

“A procura vem ocorrendo de forma tímida, no entanto dentro do esperado considerando que, sobretudo para a quarta dose, a adesão foi menor para todos os públicos”, informou em nota a Sesau.