Cotidiano

Prefeito de Amambai decreta situação de emergência devido à estiagem

Cerca de 40% de toda a produção agrícola do município foi perdida, conforme decreto

Renata Volpe Publicado em 10/01/2022, às 10h16

Estiagem atinge municípios da região conesul de MS
Estiagem atinge municípios da região conesul de MS - Leonardo de França, Jornal Midiamax, Arquivo

O município de Amambai está em situação de emergência devido à estiagem que assola a região do conesul. Segundo o decreto publicado nesta segunda-feira (10), o município encontra-se com período prolongado de estiagem, resultando no reconhecimento de cenário de seca.

Segundo a publicação, a situação já resultou em perda estimada de 40% de toda a produção agrícola do município e o atual cenário gera impacto direto na economia, provocando recessão no desenvolvimento econômico.

O Governo de Mato Grosso do Sul decretou, no último dia 4, o reconhecimento da Situação de Emergência em todos os municípios do Estado, principalmente nos municípios do conesul. O fenômeno climático La Niña está influenciando no regime de chuva e temperatura, por isso, a falta de chuva em algumas regiões do Estado afetam a produção principalmente de soja, que está na época de enchimento dos grãos. 

Com o decreto, ficam dispensados de licitação os contratos de aquisição de bens necessários às atividades de resposta aos desastres, de prestação de serviços e de obras relacionadas com a reabilitação dos cenários dos desastres, desde que possam ser concluídas no prazo máximo de 180  dias consecutivos e ininterruptos, contados a partir da publicação do decreto, vedada a prorrogação dos contratos. 

O decreto tem validade de 6 meses e é assinado pelo prefeito Edinaldo Bandeira.

Jornal Midiamax