Com baixa procura, farmácias em Campo Grande não têm previsão para vender autoteste para covid

O autoteste aprovado pela Anvisa é feito por meio de inserção do swab no nariz e deve ser feito entre o 1º e 7º dia do início dos sintomas
| 22/02/2022
- 18:15
O autoteste é indicado para pessoas com sintoma de covid-19 como febre
O autoteste é indicado para pessoas com sintoma de covid-19 como febre, coriza, dor de garganta, dor de cabeça, dor no corpo, tosse, mal-estar e outros sintomas gripais. - Reprodução

Apesar de aprovados pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), os autotestes de covid-19 estão sem previsão para chegar a Campo Grande. A reportagem do Jornal Midiamax acionou as farmácias da Capital para fazer um levantamento sobre demanda dos autotestes e, em sua maioria, a procura pelo produto ainda é baixa. 

Nos estabelecimentos Droga 10, Drogafic, Preço Popular, Drogaria São Miguel, Farmácia Desconto Fácil União e Drogaria Soloaga ainda não há autotestes disponíveis para venda e nem previsão de pedido do produto, bem como ainda não houve procura por parte dos clientes. 

Além disso, na Drogasil também não há o produto para venda e nem previsão de pedido, a procura é somente pelo teste rápido de covid-19. 

A demanda se mostrou alta somente na Drogaria Panambi e São Leopoldo, que apesar da procura do público pelos autotestes, também não possui os produtos à venda, assim como não tem a previsão de pedido. 

Primeira marca de autoteste aprovada 

A Anvisa aprovou a primeira marca de autotestes do Brasil, na última quinta-feira (17). O produto é desenvolvido pela empresa CPMH Comércio e de Produtos Médicos-Hospitalares e Odontológicos e é denominado "Novel Coronavírus Autoteste Antígeno". 

O teste é feito por meio de inserção do swab no nariz. De acordo com as recomendações da Anvisa nas instruções de uso do produto, o autoteste é indicado para pessoas com sintoma de covid-19 como febre, coriza, dor de garganta, dor de cabeça, dor no corpo, tosse, mal-estar e outros sintomas gripais. 

A recomendação do é de que o teste seja feito entre o 1º e 7º dia do início dos sintomas ou cinco dias após contato com uma pessoa positivada para o coronavírus.

O teste funciona por meio da inserção do bastão na cavidade nasal. Após a coleta no nariz, é preciso mergulhar o swab no líquido contido no tubo plástico. O próximo passo é gotejar o líquido no Cartão Teste, e caso se forme uma linha vermelha na região T, o resultado é positivo. Se a linha vermelha aparecer na região C, o resultado é negativo. Para conferir, o manual com as recomendações da Anvisa na íntegra, clique aqui.

resultado - Com baixa procura, farmácias em Campo Grande não têm previsão para vender autoteste para covid

Veja também

Consumidor pode pedir devolução com o uso do Pix caso tenha feito transferência para conta...

Últimas notícias