Cotidiano

Voz de prisão, pedir para sair? Confira o que fazer quando flagrar alguém sem máscara no ônibus

Vídeo de passageira sem máscara viralizou nas redes nesta quarta-feira em Campo Grande

Gabriel Neves Publicado em 29/04/2021, às 08h04 - Atualizado às 09h18

Caso ocorreu em Campo Grande.
Caso ocorreu em Campo Grande. - (Foto: Reprodução/Redes Sociais)

Um vídeo gravado por passageiros do Consórcio Guaicurus, nesta quarta-feira (28), mostra o momento em que uma mulher se recusar a descer de um ônibus no Centro de Campo Grande viralizou e deixa uma dúvida no ar: o que fazer esses casos? Qualquer pessoa (do povo) pode dar a voz de prisão a outro cidadão que esteja em flagrante delito, sendo dever das autoridades policiais e seus agentes darem cumprimento a essa determinação.

Não usar máscara no ônibus é considerada uma infração sanitária no Brasil. Portanto, segundo a Guarda Municipal, qualquer pessoa poderia acionar a Guarda ou a Polícia Militar para que a mulher fosse conduzida à delegacia. Nas imagens, a passageira chega a chamar os funcionários de “vagabundos”. Em seguida, eles param o ônibus e avisam que vão chamar a polícia. 

Após a confusão, ela mesma deixa o ônibus e vai embora. 

O caso

A gravação foi realizada por um dos passageiros, no momento em que o vídeo começa a mulher está sem máscara, um dos funcionários chega a dizer: “você está enrolando todo mundo, não é só você”, e recebe como resposta da passageira: “eu não vou ‘botar’ a máscara”.

A passageira ainda diz que os funcionários podem chamar a polícia. Com isso, um dos funcionários vai até o local onde está a passageira e pega uma sacola dela, irritando a mulher que afirma: “se você mexer nas minhas coisas, vou tacar isso aqui na sua cabeça”.

Em todo momento da confusão a mulher está com uma máscara em sua mão, mas se recusa a utiliza o EPI (Equipamento de Proteção Individual). Logo depois a passageira diz: “Vem bater em mim aqui seu desgraçado”, e completa com “chama a polícia lá seu vagabundo”.

O vídeo termina com a mulher utilizando a máscara que estava em suas mãos. De acordo com os passageiros a mulher desceu do veículo momentos depois. “Fiquei indignado, perdi recentemente minha vó e meu tio para a covid, essa doença não é brincadeira”, comentou um dos passageiros ao Jornal Midiamax.

Jornal Midiamax