Cotidiano

Vai comprar na Black Friday? Saiba como aproveitar ofertas em Campo Grande e não cair em golpes

Se você preferir a compra online, confira como comparar preços e evitar ciladas

Fábio Oruê Publicado em 25/11/2021, às 15h00

Lojas apostam no descontão para garantir as vendas na Black Friday
Lojas apostam no descontão para garantir as vendas na Black Friday - Foto: Leonardo de França/ Jornal Midiamax

A Black Friday já virou um evento e muitas pessoas esperam a data para comprar o produto que estavam de olho há tempos. Em Campo Grande, não será diferente e as lojas já estão se preparando para as vendas na sexta-feira (26). 

Na Capital, o melhor lugar para realizar as compras na Black é o quadrilátero central (Ruas 15 de Novembro, Rui Barbosa, Maracaju e Avenida Calógeras), principalmente na Rua 14 de Julho, onde se concentra a maioria das lojas. Nessa região, o consumidor pode encontrar desde eletroeletrônicos, móveis, cosméticos, acessórios e roupas com desconto. 

Para garantir a atenção dos consumidores, os logistas foram autorizados pela CDL (Câmara dos Dirigentes Lojistas) a colocarem os produtos nas calçadas, desde que não atrapalhem a passagens dos pedestres. Na sexta haverá show na 14 de Julho, em frente as Lojas Pernambucanas, a partir de 16h30. No sábado (27), os shows acontecerão às 10h, na rua Barão do Rio Branco. 

Caso o consumidor tenha algum problema com as compras no centro, o Procon-MS (Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor) estará com uma unidade móvel no calçadão da Rua Barão do Rio Branco.

A preocupação do órgão se dá, principalmente, em relação à publicidade enganosa, onde os fornecedores aumentaram os preços de seus produtos e serviços dias antes da Black Friday. Na sexta oferecerem 'pseudo' descontos, induzindo as pessoas a erros.

Shoppings

Os shoppings vão ter alteração de horários para se adequar as lojas. No Shopping Norte Sul Plaza, que terá descontos de até 70%, algumas lojas vão abrir a partir das 7h (Lojas Americanas, Casas Bahia e Magazine Luiza). Pernambucanas vai abrir às 8h e as 9h abrem Renner, Marisa e C&A. Os horários diferentes vão até no domingo (28) e algumas lojas vão funcionar até às 23h. Os horários podem ser conferidos aqui

O Shopping Bosque dos Ipês também vai ter ofertas de até 70% e o estacionamento gratuito. O horário de funcionamento será das 10h às 22h. É possível conferir as liquidações neste link, que trará uma seção exclusiva para as promoções da Black Week. 

No Shopping Campo Grande as promoções vão até 80% de desconto e também vão ter horário de funcionamento das lojas diferenciado. Na sexta e no sábado as Lojas Americanas abrem às 7h e a Riachuelo, C&A, Pernambucanas e Renner às 9h. Na sexta de Black Friday o local funciona até às 23h. 

Vai comprar online?

Para aqueles que vão preferir aproveitar as ofertas da Black sem sair de casa, é preciso ficar atento aos golpes e fraudes, além das 'lojas problema'. A compra online também facilita no momento de pesquisar os preços, já que é possível fazer isso sem sair do lugar.

Alguns sites reúnem preços e ajudam a comparar as lojas para facilitar na compra. O Black Friday (clique aqui) é o site oficial do evento no Brasil e divulga um relatório com as melhores ofertas do país. Já o site JáCotei (clique aqui)mostra a variação de preços e a quantidade de lojas que está ofertando o produto. 

Evite fraudes

A advogada Maria Teresa Bernhardt reuniu algumas dicas para o consumidor não ter dor de cabeça com as compras:

  • Busque vendedores seguros: ao optar por compras no marketplace, observe as avaliações e comentários de quem já fez compras pelo site e, dê preferência aos de estabelecimentos conhecidos.
  • Desconfie de preços muito abaixo do mercado: grande variação de valor, para menos, pode ser indício de tentativa de fraude. Muitos estelionatários utilizam-se dessa estratégia para atrair consumidores. O ideal é pesquisar os preços antes da Black Friday e comparar com os da concorrência
  • Cuidado redobrado para compras em sites de fora do Brasil: além de pesquisar a credibilidade do site, lembre-se que podem ocorrer atrasos excessivos na entrega e, dependendo do produto a qualidade não ser boa e nem ter garantia aqui no Brasil.
  • Atenção aos dispositivos utilizados para a compra: não utilize celular e computador de terceiros, alguns dispositivos podem armazenar seus dados pessoais.
  • Não salve os dados do cartão de crédito: dados pessoais nunca devem ser armazenados em sites.
  • Cuidado com links enviados: nunca clique em links recebidos por SMS, WhatsApp ou e-mail porque podem conter vírus.

O Procon Estadual divulgou uma lista com os sites com mais reclamação em 2020/2021 para ajudar o consumidor no momento de decidir onde comprar. A lista pode ser conferida aqui.

Jornal Midiamax