Cotidiano

Vacina contra a gripe é disponibilizada para todos em Campo Grande a partir de terça

Unidades irão distribuir senhas de acordo com os estoques

Mylena Rocha Publicado em 05/07/2021, às 11h50

None
Divulgação/PMCG

Campo Grande ampliou a campanha contra a gripe e a vacina estará disponível para toda a população nas unidades de saúde a partir de terça-feira (6). A Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) afirma que a aplicação das doses será feita de acordo com a disponibilidade nos pontos de vacinação e acompanhando o cronograma da Covid-19. 

A autorização para oferta destas doses para toda a população foi dada pelo Ministério da Saúde no último final de semana, visto que a cobertura dos públicos prioritários está muito abaixo do recomendado, que é de 90% do total esperado. 

“Visando evitar aglomerações de pessoas que buscam por essa vacina, as unidades de saúde irão distribuir senhas de acordo com o estoque de doses e a demanda de cada um destes locais”, explica o secretário municipal de saúde, José Mauro Filho. 

O secretário ressaltou a importância de que todos tomem a vacina contra influenza, que imuniza contra três tipos diferentes de vírus que provocam a gripe. “Esses vírus também têm um potencial de contágio muito elevado, sendo necessária a internação do paciente em casos mais agravados, podendo até evoluir para óbito”, frisa.

A campanha de vacinação contra a gripe não atingiu todo o público esperado. Conforme a parcial realizada pela Sesau na última sexta-feira (2), 153.004 pessoas foram se vacinar desde o início da campanha, o que corresponde a 61,18% do público-alvo. Crianças e trabalhadores da saúde são os dois públicos com a maior cobertura, sendo 82,65% e 80,43% respectivamente. 

Tomei vacina contra covid recentemente, e agora? 

É possível estar protegido contra o coronavírus e a gripe, desde que o intervalo seja respeitado entre as doses. O Ministério da Saúde recomenda que quem está prestes a ser vacinado contra a covid-19 tome primeiramente o imunizante contra o novo coronavírus. Vale lembrar que nesta terça-feira (6), Campo Grande retoma a aplicação da 1ª dose em pessoas a partir de 40 anos. Depois de ser vacinado contra o coronavírus, o paciente deve esperar por, no mínimo, 14 dias para se vacinar contra a gripe.

Jornal Midiamax