Cotidiano

Uma semana depois, moradora salva por vendedor durante incêndio em casa deixa o CTI

Mulher de 48 anos socorrida do incêndio em residência no Portal Caiobá na noite de quinta-feira (11), deixou o CTI (Centro de Terapia Intensiva) uma semana depois, no dia 18. O quadro da paciente evolui bem e ela já está consciente e orientada na Santa Casa. A moradora, resgatada da casa em chamas pelo vendedor […]

Renata Portela Publicado em 22/02/2021, às 13h16

Casa ficou totalmente destruída pelo incêndio (Foto: Henrique Arakaki, Midiamax)
Casa ficou totalmente destruída pelo incêndio (Foto: Henrique Arakaki, Midiamax) - Casa ficou totalmente destruída pelo incêndio (Foto: Henrique Arakaki, Midiamax)

Mulher de 48 anos socorrida do incêndio em residência no Portal Caiobá na noite de quinta-feira (11), deixou o CTI (Centro de Terapia Intensiva) uma semana depois, no dia 18. O quadro da paciente evolui bem e ela já está consciente e orientada na Santa Casa.

A moradora, resgatada da casa em chamas pelo vendedor Alex Dantas, de 38 anos, deu entrada na Santa Casa às 23h22 daquela quinta-feira, levada pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência). Ela não teve queimaduras em membros ou tronco e foi diagnosticada com inalação de fuligem.

Por conta disso, chegou a ficar em estado grave, intubada, mas já apresentou melhora e segue em observação pela clínica médica.

Resgate à moradora

Uma semana depois, moradora salva por vendedor durante incêndio em casa deixa o CTI
(Foto: Henrique Arakaki, Midiamax)

Em cinco minutos, o vendedor de açaí Alex entrou na casa em chamasno Caiobá e salvou a moradora, que estava no quarto. O comerciante contou ao Jornal Midiamax que saiu para fazer uma entrega de açaí na rua de cima da casa da vítima. Quando passou na frente da residência, viu fumaça saindo pela janela, mas achou que estavam cozinhando.

No entanto, ao voltar da entrega ele percebeu que a fumaça estava muito alta. Alex resolveu entrar na casa e pediu ajuda a outro homem passava pela rua para iluminar o local com a lanterna do celular, já que na casa não tinha luz. O vendedor começou a gritar perguntando se tinha alguém na casa e a mulher respondeu “Tô aqui”.

Alex foi até o quarto e tirou a mulher da casa a arrastando. Ela desmaiou e ele fez massagem cardíaca até a chegada do Corpo de Bombeiros e Samu, que a levou para uma unidade de saúde. Segundo uma vizinha, a moradora não tem luz em casa e usa vela.

Ela nora sozinha na casa e perdeu vários pertences com o incêndio. Quem quiser ajudar pode ligar para o telefone (67) 99223-2559 e falar com Roselei.

Jornal Midiamax