Cotidiano

Você sabia? Campo Grande terá viagens de moto para passageiros em aplicativo de transporte

Motoentregadores já cadastrados no 'Eats' vão poder optar por entregas ou transporte de passageiros

Fábio Oruê Publicado em 27/04/2021, às 14h51

Viagens de moto por aplicativo vão chegar em Campo Grande
Viagens de moto por aplicativo vão chegar em Campo Grande - Foto: Divulgação

Depois da polêmica envolvendo a implantação de aplicativos de mobilidade urbana em Campo Grande e a rivalidade envolvendo taxistas, iniciada em 2017, agora a Capital pode ter novo capítulo da mesma novela. É que a Uber, a primeira empresa a trazer a mobilidade através de aplicativos para a cidade, vai lançar viagens de moto pela plataforma em Campo Grande. Serviço semelhante foi iniciado em novembro do ano passado em Aracaju (SE) e agora chega em Campo Grande. 

De acordo com a Uber, a modalidade promete sair por um preço menor do que o do UberX, dos veículos de quadro rodas, e que todas as viagens incluem, entre outras medidas, a checagem de antecedentes dos parceiros e dão aos usuários a possibilidade de compartilhar com seus contatos a placa, a identificação do condutor e a localização no mapa, em tempo real.

Além de Campo Grande, algumas outras cidades do país também contarão com o serviço. A expectativa é de que a modalidade esteja disponível para os usuários em algumas semanas.

Com a chegada das viagens de moto, entregadores parceiros que usam motocicleta e já estão cadastrados no Uber Eats podem optar por também fazer viagens de Uber Moto. Para dirigir nesta modalidade, o motociclista precisa ter 21 anos ou mais, ter CNH ao menos há dois anos e ter no documento a observação de atividade remunerada (EAR).

A capital sul-mato-grossense conta com uma frota grande e tradicional de moto-taxistas, que agora terão a concorrência do aplicativo de viagens. Vale lembrar que na chegada das viagens de carros na cidade, os motoristas parceiros enfrentaram uma breve resistência dos taxistas do município, no ano de 2017. 

Jornal Midiamax