Cotidiano

Tamanduá ferido por atropelamento é resgatado nas margens da MS-480

A equipe da PMA realizou a captura do animal com uso de um puçá

Diego Alves Publicado em 11/09/2021, às 18h36

Divulgação PMA
Divulgação PMA

A PMA (Polícia Militar Ambiental) resgatou um tamanduá ferido à margem da rodovia MS 480 após atropelamento em Batayporã, cidade a 309 quilômetros de Campo Grande. Policiais ambientais receberam informações de usuários que passaram pela rodovia MS 480, no município hoje (11) pela manhã, de que havia um animal silvestre ferido à margem da rodovia, na altura do km 10. A PMA foi rapidamente ao local e verificou que o animal da espécie Tamandua tetradactyla (Tamanduá-mirim) havia sido atropelado e apresentava ferimentos em uma das patas e estava com dificuldades de se locomover.

A equipe da PMA realizou a captura do animal com uso de um puçá e o colocou em uma gaiola de contenção. O tamanduá foi encaminhado para atendimento médico veterinário para cuidar dos ferimentos, para possível soltura posteriormente ao seu habitat natural distante da cidade. Caso o profissional não dê alta para a soltura, quando estiver com saúde estabilizada e receber alta pelo médico veterinário para viajar com segurança, o tamanduá será removido ao Centro de Reabilitação de Animais Silvestres (CRAS) em Campo Grande, para ser cuidado até estar reabilitado para ser devolvido ao seu habitat natural.

Jornal Midiamax