Cotidiano

Segunda etapa da vacinação contra febre aftosa em MS começa em novembro

A previsão da Iagro é de que 9 milhões de cabeças de gado sejam imunizadas Planalto e do Pantanal

Lucas Mamédio Publicado em 27/10/2021, às 16h48

None
(Foto: Divulgação/PMCG)
Mato Grosso do Sul se prepara para a segunda etapa de vacinação contra a febre aftosa, que é obrigatória para bovinos e bubalinos. A previsão da Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal (Iagro) é de que 9 milhões de cabeças sejam imunizadas entre os animais do Planalto e do Pantanal.
Na região do Planalto, a vacinação é obrigatória para animais até 24 meses entre os dias 1° e 30 de novembro. O registro da vacinação deverá ser realizado pelo produtor no sistema informatizado da IAGRO, através do portal GAP de 1º de novembro a 15 de dezembro de 2021.
O índice de cobertura vacinal de animais passou de 99,49% na etapa de maio de 2020 para 99,69% na etapa de maio de 2021. Essa porcentagem representa 18.653.836 bovídeos em 53.808 propriedades envolvidas na etapa de maio em todo o estado. Em números totais, o índice de vigilância em propriedades durante a etapa passou de 2,18% em maio de 2020 para 2,95 % na etapa de maio 2021, considerando as três modalidades de vacinação estratégica (vacinação assistida, fiscalizada e agulha oficial).
Jornal Midiamax