Cotidiano

Saiba o que é permitido nesta semana e programe-se para ‘fecha tudo’ em Campo Grande

Com risco extremo de coronavírus, Campo Grande adotou a semana do ‘fecha tudo’ como alternativa ao lockdown. Para frear a pandemia, apenas serviços listados pela Prefeitura Municipal poderão funcionar a partir desta segunda-feira (22) até o próximo domingo (28). A medida foi anunciada na quinta-feira (18), pelo prefeito Marquinhos Trad (PSD). Já o decreto, que […]

Dândara Genelhú Publicado em 21/03/2021, às 10h47 - Atualizado em 22/03/2021, às 07h59

Rua 14 de Julho, em Campo Grande. (Foto: Divulgação / PMCG)
Rua 14 de Julho, em Campo Grande. (Foto: Divulgação / PMCG) - Rua 14 de Julho, em Campo Grande. (Foto: Divulgação / PMCG)

Com risco extremo de coronavírus, Campo Grande adotou a semana do ‘fecha tudo’ como alternativa ao lockdown. Para frear a pandemia, apenas serviços listados pela Prefeitura Municipal poderão funcionar a partir desta segunda-feira (22) até o próximo domingo (28).

A medida foi anunciada na quinta-feira (18), pelo prefeito Marquinhos Trad (PSD). Já o decreto, que oficializa a medida, foi publicado em edição extra do Diogrande (Diário Oficial de Campo Grande) na última sexta-feira (19).

Todos os estabelecimentos abertos precisam seguir norma de 40% da capacidade total e respeitar o toque de recolher vigente. De acordo com o decreto estadual, definido pelo Governo do Estado, o toque de recolher em Campo Grande e outros municípios de MS vai das 20h até às 5h.

Para os próximos sete dias é preciso se planejar para as atividades essenciais e até mesmo quem trabalha deve ficar de olho nas restrições impostas pelo decreto nº 14.683. Para isso, elaboramos uma lista de serviços que você pode precisar ao longo da semana do ‘fecha tudo’.

Mercados e supermercados

De acordo com o decreto, mercados, supermercados, distribuidores de alimentícios e padarias estão liberados durante a semana. Entretanto, não é permitido consumo no local, nem de bebidas, nem alimentos. De acordo com o decreto estadual, supermercados podem funcionar durante o período do toque de recolher. No entanto, é permitido que apenas um membro da família realize as compras de urgência.

Petshop e clínicas veterinárias

Estes estabelecimentos são liberados para funcionamento durante esta semana em Campo Grande. Entretanto, o decreto define que são permitidas apenas vendas de ração e atendimentos de urgências nas clínicas veterinárias.

Combustível, água mineral e gás

A comercialização destes serviços está permitida. Então, caso precise abastecer, os postos estão liberados e cidadãos podem fazer compra de gás ou água mineral normalmente.

Farmácias

Farmácias estão listadas nas atividades liberadas em Campo Grande durante esta semana. Assim, é preciso apenas se atentar para o toque de recolher e capacidade de lotação máxima.

Agências bancárias

De acordo com o decreto, atendimentos presenciais estão proibidos de 22 a 28 de março em agências bancárias de Campo Grande. Entretanto, podem ser realizados auto atendimentos em caixas eletrônicos.

Lanchonetes e restaurantes

Lanchonetes, restaurantes, bares e afins podem funcionar sem consumo local. Desta vez, estes estabelecimentos podem fazer uso do delivery, drive thru e pegue e leve. Então você pode encomendar o pedido e buscar ou receber na própria casa.

Saúde

Serviços de assistência à saúde, incluídos atividades médicas, fisioterapêuticas, terapeutas ocupacionais e hospitalares estão liberados. Os atendimentos odontológicos, devem ocorrer somente em urgência e emergência. De acordo com a Sesau (Secretaria Municipal de Saúde), serão realizados apenas exames Covid-19 e vacinação contra a doença na rede pública de Saúde. Para conferir a lista completa de serviços públicos de saúde, de 22 a 28 em Campo Grande, clique aqui.

Transporte público

O transporte coletivo em Campo Grande está liberado nesta semana, respeitando o toque de recolher e capacidade máxima. Entretanto, trabalhadores de serviços essenciais que tem jornada até 21h ou mais, devem se cadastrar junto ao Consórcio Guaicurus para fazer uso dos ônibus. Serão liberadas viagens a partir da Praça Ary Coelho após este horário, com exclusividade para estas pessoas.

Corridas em carro de aplicativo ou taxi

Aplicativos de corrida estão liberados em Campo Grande nesta semana. Além deles, táxis poderão funcionar durante o ‘fecha tudo’.

Mecânica

Serviços mecânicos estão liberados apenas para atender as outras atividades liberadas no decreto. Entretanto, é possível realizar a compra de peças mecânicas por delivery, única forma permitida pela Prefeitura Municipal.

Correios e cartórios

Serviços postais estão liberados em Campo Grande durante esta semana. No ‘fecha tudo’, estão permitidas as atividades dos cartórios.

Condomínios

Serviços em condomínios, da área de segurança e saúde, estão liberados. Entretanto, estes espaços possuem áreas de uso comum que estão proibidas. Não é permitido o uso de piscinas, saunas, esportes coletivos, salões de festa e academias de ginástica nos condomínios da Capital durante esta semana.

Escolas e faculdades

Apenas é permitido o uso de aulas remotas durante esta semana em Campo Grande.

Confira aqui a lista detalhada de atividades liberadas no decreto.

Jornal Midiamax