Cotidiano

Professores de Campo Grande lançam livro com artes produzidas por alunos durante a pandemia

Artes também foram expostas e agora reunidas em um e-book

Fábio Oruê Publicado em 25/11/2021, às 15h30

Artes em exposição na Semed
Artes em exposição na Semed - Foto: Divulgação/ Semed

Atividades artísticas produzidos por alunos da Escola Municipal Professora Ana Lúcia de Oliveira Batista, no Paulo Coelho Machado, em Campo Grande, durante a pandemia da covid-19, foram reunidas em um e-book lançado nesta semana. O livro foi entitulado de “Poéticas de um tempo pandêmico: trajetórias, possibilidades e experiências no ensino de Arte”.

Os trabalhos realizados pelos estudantes foram expostos na escola e também na Semed (Secretaria Municipal de Educação). “A ideia central do livro é mostrar que apesar de todas as dificuldades do ensino remoto, foi possível entregar um material de qualidade. Os alunos tiveram dentro da disciplina de Artes, o processo de aprendizado, de forma bastante criativa e também criadora”, explicou o coordenador da escola e organizador do livro, Fernando Freitas dos Santos.

Aluna do 4° ano, Lais de Oliveira Ferreira, de 9 anos, conseguiu realizar as atividades em casa durante o período de pandemia e continua exclusivamente no ensino remoto em 2021 – as aulas presenciais no sistema escalonado voltaram no dia 26 de julho para os alunos da Reme (Rede Municipal de Ensino).

“Eu amei fazer as atividades em casa, foi muito legal. Pude aprender bastante e me dedicar. Meus trabalhos são sobre a covid-19, outros países e também um autorretrato”, relata a estudante.

Livro

O e-book escrito pelos professores Douglas Marschner, Evellyn Carvalho de Almeida e Natalia de Assis Dias, e pode ser conferida neste link, de forma gratuita. 

“Todos os trabalhos da exposição foram objeto de análise para a escrita do livro e todos foram feitos pelos alunos no ano passado durante a pandemia, justamente no período que tiveram que ficar em casa. Os pais foram peças fundamentais no processo de remediação para auxiliar o ensino das crianças, foram muito importante”, explicou o professor Fernando dos Santos.

O livro aborda as diferentes práticas artístico-pedagógicas do corpo docente, no período das aulas remotas. Cada capítulo do livro apresenta importantes reflexões pautadas em estratégias metodológicas inovadoras que objetivaram um processo de ensino e aprendizagem em Arte de modo criativo, sensível e crítico.

O periódico tem cinco capítulos, cada um deles escrito por um professor integrante. Todo o conteúdo do livro está escrito nas linguagens das disciplinas de Teatro, Música e Artes Visuais.

Jornal Midiamax