Cotidiano

Prefeitura aumenta para 3 anos permissão de alvará de motorista de táxi em Campo Grande

Antes da pandemia, o motorista tinha que renovar a cada ano, pagando taxas e entregando documentos à Agetran

Mayara Bueno Publicado em 21/10/2021, às 09h29 - Atualizado às 10h20

Ponto de táxi no Aeroporto Internacional de Campo Grande
Ponto de táxi no Aeroporto Internacional de Campo Grande - (Foto: Divulgação, Arquivo)

Decreto da Prefeitura de Campo Grande aumentou as validades de alvará de estacionamento e carteira de taxistas para três anos, de acordo com publicação no Diário Oficial desta quinta-feira (21). Em 2020, o município havia editado documento, fixando a validade de dois anos. 

Anteriormente, o motorista auxiliar tinha que renovar documentação necessária para conduzir veículos com passageiros a cada ano. Usando a situação de emergência em saúde pública por causa da pandemia em Campo Grande, o Executivo estendeu outros prazos, em 2020, como os de vistoria veicular.

Segundo a Agetran (Agência de Trânsito e Transporte), a cidade tem uma frota de 490 táxis, distribuídos em 75 pontos fixos de estacionamento. A renovação de alvará é feita por meio de requerimento de taxa respectiva e de outros impostos. 

Jornal Midiamax