Cotidiano

Prefeitura aciona donos de terrenos por fazer queimadas e por deixar áreas sujas; multa chega a R$ 9,9 mil

Semadur deu prazo de um mês para proprietários apresentarem justificativas

Gabriel Maymone Publicado em 08/09/2021, às 08h39 - Atualizado às 08h40

Queimadas urbanas para fins de limpeza de terreno são proibidas
Queimadas urbanas para fins de limpeza de terreno são proibidas - Divulgação

A Semadur (Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano) notificou proprietários de terrenos em Campo Grande a apresentar justificativa para irregularidades detectadas pela fiscalização como realização de queimadas e sujeira nas áreas urbanas. Caso as irregularidades sejam confirmadas, a multa varia de R$ 2.478,50 a R$ 9.914,00.

Conforme publicado no Diogrande (Diário Oficial de Campo Grande) desta quarta-feira (8), os donos desses imóveis infringiram dispositivos da Lei n. 2909/92, que trata sobre diversas questões de conduta do município.

Os nomes apresentados pelo município podem apresentar justificativa dentro do prazo junto às Supervisões de Atendimento — Protocolo Geral, sito à Rua Marechal Rondon, nº 2655, Centro — Central de Atendimento ao Cidadão. 

Os que foram notificados por não limpar terrenos têm esse período para realizar a limpeza dos locais, sob pena de multa.

Confira abaixo os proprietários notificados por utilizar queimadas para limpar terrenos:

Nas tabelas abaixo, os donos de propriedades que deixaram as áreas urbanas sujas:

Jornal Midiamax