Cotidiano

Pegadinha? Frente fria que ia 'congelar MS' estaciona no sul, mas Inmet mantém alerta de frio na próxima semana

Alerta de tempestade será estendido até terça-feira

Ranziel Oliveira Publicado em 31/05/2021, às 16h38

Tempo Nublado, Ilustrativa
Tempo Nublado, Ilustrativa - (Foto: Leonardo de França / Jornal Midiamax)

Já não é surpresa que a frente fria prevista para o último fim de semana não chegou a Mato Grosso do Sul. Não foi pegadinha: existe uma resposta aos amantes do frio que ficaram "à deriva" e quem explica é o meteorologista da Anhanguera-Uniderp, Natálio Abrão Filho.

O que ocorreu é que a frente fria basicamente não chegou ao Estado, isso devido a paralisação do centro de alta pressão.“Teve geada no Rio Grande do Sul e no Paraná e lá as temperaturas caíram. Mas o centro de alta pressão não alcançou Mato grosso do Sul porque parou no Sul e vai continuar lá”, explicou Abrão.

Desta forma, a temperatura está caindo somente no extremo Sul do Estado, nos municípios de Amambai, Ponta Porã, Iguatemi, Mundo Novo e região, oscilando na casa dos 11 ºC e 13ºC. Para Campo Grande, região leste e oeste de Mato Grosso do Sul as condições climáticas serão amenas, com a temperatura alcançando 15 ºC na Capital.

Mas, calma aí: conforme Natálio, ainda existe a possiblidade dos termômetros caírem significativamente no próximo sábado, com pouca chuva. Só que esta é outra frente fria.

Risco de tempestade 

Ainda assim, o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) manteve o alerta de tempestade para o Estado de Mato Grosso do Sul, entre esta segunda-feira (31) e a terça-feira (1º). As chuvas podem oscilar entre 20 e 30 mm/h ou até 50 mm/dia, com ventos intensos entre 40 e 60 km/h, com risco de queda de granizo. Existem um baixo risco de corte de energia elétrica, estragos em plantações, queda de galhos de árvores e de alagamentos.

As regiões afetadas serão o Sul e Sudoeste Sul-Mato-Grossense, Pantanal Sul-Mato-Grossense, Centro Norte Sul-Mato-Grossense e Leste Sul-Mato-Grossense.

Jornal Midiamax